Siga-nos

Perfil

Economia

Economia

Sucessor de Elon Musk na Tesla será uma mulher

Robyn Denholm, diretora financeira da empresa de telecomunicações australiana Telstra Corp (TLS.AU), é membro do conselho de administração da Tesla desde 2014, embora tenha menos ligações a Musk do que outros executivos da empresa de veículos elétricos

A Tesla anunciou esta quinta-feira que Robyn Denholm, da australiana Telstra, será a próxima presidente do conselho de administração, substituindo Elon Musk, afastado do cargo devido a uma investigação da Comissão de Valores Mobiliários dos Estados Unidos.

Denholm, diretora financeira da empresa de telecomunicações australiana Telstra Corp (TLS.AU), é membro do conselho de administração da Tesla desde 2014, embora tenha menos ligações a Musk do que outros executivos da empresa de veículos elétricos, segundo a agência espanhola Efe.

Entretanto, a Telstra informou que Robyn Denholm abandonará o seu cargo na empresa nos próximos meses.

Elon Musk concluiu em setembro um acordo com o regulador da bolsa americana, que o acusou de fraude, que implicava deixar por três anos o cargo que ocupava na Tesla.

O acordo implicava também o pagamento de 40 milhões de dólares de coima (quase 35 milhões de euros), na sequência de uma acusação do regulador por violação das regras face aos investidores.

A autoridade bolsista dos EUA tinha pedido a um tribunal federal para destituir Elon Musk da presidência e gestão da Tesla, acusando-o de fraude por declarações falsas sobre a retirada da empresa da bolsa.