Siga-nos

Perfil

Economia

Economia

Vista Alegre aumenta o capital em 17,2 milhões. Dispersão em bolsa aumenta para 25%

A Vista Alegre Atlantis vai aumentar o capital através de uma oferta pública de venda. A receita serve para abater à dívida

A Vista Alegre Atlantis (VAA) anunciou esta segunda-feira a intenção de aumentar para 25% a dispersão em bolsa do seu capital, através de duas operações: um aumento de capital de 17,2 milhões, através da emissão de 21,7 milhões de ações e uma oferta de venda de 21,7 milhões de ações pelo seu acionista Visabeira.

No comunicado que enviou à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM), a VAA diz ser "expectável que operação consista numa oferta de subscrição até 21.772.735 ações ordinárias", no âmbito de aumento de capital com supressão de direito de preferência dos acionistas. A outra oferta de idêntica dimensão refere-se a ações detidas pela Visabeira.

Haverá uma oferta particular que será dirigida a “certos investidores institucionais nos mercados nacional e internacional” e uma oferta pública de distribuição em Portugal, em condições ainda por definir.

Após a operação, a Visabeira ficará com 70% da VAA. O reforço de capital servirá para reduzir a dívida da empresas de porcelana e cristais.

O lançamento da oferta será apreciado numa assembleia geral de acionistas marcada para sexta-feira, dia 12 de outubro. Segundo o comunicado, a Visabeira beneficiará depois da dispersão "do alargamento da base acionista e de uma maior liquidez que reforçará a sua atratividade das ações perante potenciais investidores”.

No primeiro semestre, a VAA apresentou lucros de 4 milhões de euros e uma receita de 48 milhões de euros. O passivo é de 146 milhões.