Siga-nos

Perfil

Economia

Economia

Atividade económica e clima económico estabilizam em julho e agosto

Indicadores publicados hoje pelo Instituto Nacional de Estatística revelam estabilização da economia nos meses de verão.

O indicador de atividade económica, disponível até julho, e o indicador de clima económico, disponível até agosto, estabilizaram, após o segundo ter atingido em julho um novo máximo desde 2002, informou hoje o Instituto Nacional de Estatística (INE).


O indicador de atividade económica estabilizou em julho nos 2,3 pontos do mês anterior, depois de nesse mês ter descido face aos 2,4 pontos de maio, enquanto o indicador de clima económico se manteve em agosto nos 2,5 pontos de julho, mês em que atingiu o valor mais alto desde maio de 2002.

Segundo a síntese económica de conjuntura do INE, "o indicador quantitativo do consumo privado desacelerou em julho, refletindo um contributo positivo menos expressivo de ambas as componentes, consumo corrente e consumo duradouro".
Já o indicador de Formação Bruta de Capital Fixo (FBCF) "acelerou em julho, devido ao contributo positivo mais intenso da componente de construção, tendo o contributo da componente de material de transporte passado de negativo em junho para nulo".

"Considerando a atividade económica da perspetiva da produção, os índices de volume de negócios na indústria e de produção na construção abrandaram, tendo o índice de produção na indústria diminuído. Por sua vez, o índice de volume de negócios nos serviços acelerou em julho", refere o INE.