Siga-nos

Perfil

Economia

Economia

Juros da dívida grega registam maior queda do ano, depois da decisão do Eurogrupo

ALEXANDROS VLACHOS / EPA

Os juros das obrigações gregas a 10 anos já desceram esta sexta-feira para perto de 4%, uma redução de 25 pontos-base, a maior desde o início do ano. Os mercados reagem positivamente ao generoso 'alívio' de dívida aprovado esta madrugada pelo Eurogrupo

Jorge Nascimento Rodrigues

Os juros (yields) das obrigações gregas no prazo a 10 anos desceram para perto de 4% nas primeiras horas da sessão do mercado secundário da dívida esta sexta-feira. É a maior descida diária registada este ano. A queda foi de 25 pontos-base, um quarto de ponto percentual, entre a abertura em 4,36% e as 9 horas (hora portuguesa).

O mercado da dívida responde, assim, positivamente ao muito generoso pacote de medidas de 'alívio' da dívida helénica aprovado na reunião do Eurogrupo no Luxemburgo já na madrugada desta sexta-feira.

O movimento de descida dos juros abrange todos os periféricos da zona euro, com as taxas para as Obrigações do Tesouro português a 10 anos a caírem para 1,82%, dois pontos-base abaixo do fecho de quinta-feira. A segunda descida mais acentuada, depois da registada com os juros gregos, verifica-se para as taxas dos títulos italianos que se reduziram em nove pontos-base, de 2,76% no fecho de quinta-feira para 2,67% agora.