Siga-nos

Perfil

Expresso

Especial OPA

Pais do Amaral diz que preço da Sonae era "muito elevado"

Miguel Pais do Amaral, ex-patrão da Media Capital, considera que o preço oferecido pela Sonaecom de 10,5 euros por cada acção da PT era alto.

Pais do Amaral, que chegou a estudar o lançamento de uma oferta concorrente à OPA da Sonaecom, disse ao Expresso que "enquanto houver blindagem dos estatutos e direitos de especiais do Estado, a PT vai estar protegida de potenciais compradores". E adiantou que neste momento não tem interesse na empresa e que vai esperar um pouco para decidir se vai voltar a analisar a empresa. Até porque, segundo reconhece, a Sonae ofereceu um preço "muito elevado" pelas acções.