Siga-nos

Perfil

Expresso

Mundial - 2010

Primeiro Mundial africano começa hoje

África do Sul e México disputam às 15h, em Joanesburgo, o jogo inaugural do primeiro Mundial de futebol realizado em África. Uma hora antes será realizado um espetáculo criado pelo produtor do filme de animação "Rei Leão". Clique para aceder ao índice do Dossiê Mundial-2010

O primeiro Mundial de futebol em África começa hoje, com duas partidas do Grupo A, em Joanesburgo e na Cidade do Cabo, além da cerimónia de abertura, que afinal não vai contar com a presença do Nobel da Paz, Nelson Mandela. 

Pelas 15h (em Lisboa), no Estádio Soccer City, em Joanesburgo, a anfitriã África do Sul e o México vão dar os primeiros toques na bola oficial do torneio, a Jabulani, que significa "celebrar" em zulu. 

Clique para aceder ao índice do Dossiê Mundial-2010

Na hora antecedente ao pontapé de saída será realizado um espetáculo criado pelo músico Lebo M., nascido no Soweto e produtor do filme de animação "Rei Leão", mas sobre o qual a Federação Internacional de Futebol (FIFA) decidiu manter segredo. 

Anunciada foi também a presença do histórico líder sul-africano Nelson Mandela, com 91 anos, 27 dos quais passados nas prisões do antigo regime de segregação racial. 

Dois portistas titulares

A segunda partida do dia, entre a vice-campeã mundial França e o Uruguai, primeira seleção a conquistar a prova, no longínquo ano de 1930, está marcada para as 19h30 (em Lisboa), no Estádio Green Point, Cidade do Cabo. 

Frente aos gauleses, o benfiquista Maxi Pereira e o portista Álvaro Pereira vão jogar de início, ao contrário de Jorge Fucile, também jogador do FC Porto. 

A seleção lusa, 3ª em 1966, 4ª em 2006 e "arrumada" na primeira fase em 1986 e 2002, está inserida no Grupo G, juntamente com Brasil, Coreia do Norte e Costa do Marfim, que defronta na estreia, terça feira. 

*** Este texto foi escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico ***

Clique para ler a Nota da Direcção do Expresso sobre o novo Acordo Ortográfico.