Siga-nos

Perfil

Expresso

Mundial - 2010

Jornalistas portugueses assaltados nos quartos de hotel

Três jornalistas enviados à África do Sul (dois portugueses e um espanhol) foram esta madrugada assaltados à mão armada no hotel onde se encontram hospedados, nos arredores de Joanesburgo. Clique para aceder ao índice do Dossiê Mundial-2010

Miguel Martins e Rui Gustavo, enviado à África do Sul (www.expresso.pt)

Dois indivíduos armados com pistolas assaltaram esta madrugada os quartos de três jornalistas hospedados no hotel Nutbush, em Magaliesburgo, nos arredores de Joanesburgo.

Clique para aceder ao índice do Dossiê Mundial-2010

Eram cerca das quatro da manhã locais (três da manhã em Lisboa) quando os assaltos começaram. Os jornalistas Rui Gustavo, do Expresso, António Simões, do "Global Notícias", e Miguel Serrano, do jornal desportivo espanhol "Marca", encontravam-se nos quartos e a dormir.

Arma apontada

O fotógrafo da Global Notícias acordou durante o roubo, surpreendendo os assaltantes que se encontravam no quarto. Um dos indivíduos apontou de imediato uma pistola ao jornalista, enquanto o outro finalizava o assalto. Os assaltantes levaram todo o material dos três repórteres, nomeadamente computadores portáteis, máquinas fotográficas e telemóveis.

O hotel Nutbush fica situado a cerca de seis quilómetros do local onde está hospedada a selecção portuguesa.

A polícia ainda se encontra no local, a recolher depoimentos das vítimas.