Siga-nos

Perfil

Expresso

Bento XVI em Portugal

Fiéis aproveitam tolerância de ponto para ir a Fátima

O santuário de Fátima encheu-se hoje de fiéis que aproveitaram a tolerância de ponto. Clique para aceder ao índice do dossiê Bento XVI em Portugal

A tolerância de ponto concedida hoje pelo Governo devido à visita do papa foi aproveitada por muitos fiéis para assistirem às celebrações do 13 de Maio em Fátima, cujo santuário está praticamente cheio quando falta menos de uma hora para o início da missa a que presidirá Bento XVI.

Clique para aceder ao índice do dossiê Bento XVI em Portugal

José Pinho, funcionário da empresa de resíduos sólidos da Câmara Municipal de Oliveira de Azeméis, contou à agência Lusa que todos os anos mete um dia de férias para se deslocar a Fátima no dia 13, por isso ficou "contentíssimo" por este ano o Governo ter dado tolerância.

"O dia de hoje deveria ser mais feriado do que outros dias, por exemplo, o 01 de maio, porque se é dia do trabalhador devíamos todos trabalhar, e o 25 de abril, que é para comemorar uma coisa que já aconteceu há muitos anos e que não teve assim tanta importância", afirmou.

Feriado a 13 de Maio

Na sua opinião, "o 13 de maio tem muito significado para todos os católicos" que, por isso, deveriam poder deslocar-se a Fátima sem perder um dia de férias.

Menos radical é Maria Cristina Canela, professora numa escola de Évora, referindo que "se calhar faria sentido hoje ser feriado".

"Isto para mim é tudo muito sério e como tive tolerância, fiz questão de cá vir. Acho que os portugueses foram privilegiados por isto [as Aparições da Cova de Iria] ter acontecido em Fátima", disse.

Menos privilegiados foram os empregados do setor privado que tiveram de meter um dia de férias para irem a Fátima.

Oferecer o dia a Fátima

Águeda Queirós, de Gaia, costuma "oferecer o dia 12 e 13 à nossa senhora", inclusive a noite, o que admite ser um grande sacrifício porque um dos seus grandes prazeres é dormir.

"Costumava vir a pé mas por motivos de saúde deixei de o poder fazer. Mas venho sempre a Fátima estes dias buscar energia para o resto do ano, mesmo que tenha de meter dois dias de férias", sublinhou.

Às 09:00, uma hora antes do início das celebrações do 13 de Maio, o recinto do santuário de Fátima estava já praticamente cheio e os fiéis já não arredam pé dos lugares que estão a guardar desde a madrugada.

As celebrações deste ano das Aparições da Cova de Iria serão presididas pelo papa. Bento XVI está em Portugal desde terça feira e regressa a Roma na sexta feira, depois de celebrar uma missa no Porto.

Este texto foi escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico

Clique para ler a Nota da Direcção do Expresso sobre o novo Acordo Ortográfico.

Saiba todos os passos e horários do programa oficial da visita do Papa Bento XVI a Portugal, entre 11 e 14 de Maio clicando em Programa da visita de Bento XVI a Portugal