Siga-nos

Perfil

Expresso

José Saramago (1922-2010)

Governo decreta dois dias de luto nacional

Decisão de decretar dois dias de luto nacional, sábado e domingo, foi tomada após reunião extraordinária do Conselho de Ministros.Clique para aceder ao dossiê José Saramago (1922-2010)

O Governo decidiu hoje, em reunião extraordinária do Conselho de Ministros, decretar dois dias de luto nacional, sábado e domingo, pela morte do escritor José Saramago.

Clique para aceder ao índice do DOSSIÊ JOSÉ SARAMAGO (1922-2010)

Em comunicado oficial, o Governo declara luto nacional por dois dias "como forma de expressão de pesar pela morte do escritor José de Sousa Saramago".

"José Saramago foi o autor português contemporâneo mais traduzido, com livros editados em todo o mundo, tendo recebido vários prémios literários e graus honoríficos, nacionais e internacionais, entre os quais o prémio Camões, em 1995, e o prémio Nobel da Literatura, em 1998", aponta o Executivo.

*** Este texto foi escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico ***

Clique para ler a Nota da Direcção do Expresso sobre o novo Acordo Ortográfico.