Siga-nos

Perfil

Expresso

Especial Referendo

Louçã saúda os portugueses pela "vitória extraordinária"

Num breve discurso, o líder do Bloco de Esquerda salientou que o país fica "vinculado a esta decisão".

No Bloco de Esquerda, a declaração política coube a Francisco Louçã. O líder do partido salientou que esta é uma “vitória extraordinária, que não é de partidos políticos”, avançando ainda que mais de um milhão de pessoas acrescentaram o seu voto ao referendo de 1998.

O líder do BE defendeu também que o país fica “vinculado a esta decisão”. Para Louçã ganharam não só "os homens e mulheres que lutaram pelo Sim” mas também os muitos católicos que, "em maioria", escolheram esta opção.

Francisco Louçã terminou o seu breve discurso com uma palavra de esperança: “Nos próximos dias poderemos entrar finalmente no século XXI e na Europa”.