Siga-nos

Perfil

Expresso

Educação em crise

Professores falam na maior greve de sempre

A Plataforma Sindical dos Professores diz que a adesão superior aos 90%o faz da greve de hoje a maior de sempre, mas o Ministério da Educação diz que a maioria das escolas está aberta.

A Plataforma Sindical de Professores garante que a greve de hoje é a maior de sempre no sector, com uma adesão acima dos 90%, enquanto o Ministério da Educação assegura que a maioria das escolas está aberta.

"A adesão é muito acima dos 90%. O desafio era fazer desta a maior greve dos últimos 20 anos, mas temos aqui a maior de sempre em Portugal", afirmou o porta-voz da Plataforma, Mário Nogueira, em declarações aos jornalistas.

De acordo com o também secretário-geral da Federação Nacional dos Professores (Fenprof), os sindicatos já dispõem de dados relativos à adesão ao protesto em "largas dezenas de escolas", tendo apenas informação de uma escola com uma participação abaixo dos 90 por cento.

Já o secretário de Estado Adjunto e da Educação, Jorge Pedreira, garantiu hoje que "a maioria das escolas está aberta", apesar de reconhecer que a paralisação conta com "elevados níveis" de participação.

"Apesar dos elevados níveis de adesão, a maioria das escolas está aberta. Algumas com aulas, outras eventualmente sem aulas", afirmou o responsável, em declarações à TSF.