Siga-nos

Perfil

Expresso

Diário

Gozado num sítio, atacado no outro: como um ex-primeiro-ministro francês vai concorrer à Câmara de Barcelona

PAU BARRENA/afp/getty

Em França gozam com ele, na Catalunha atacam-no duramente: a candidatura à presidência da Câmara de Barcelona de Manuel Valls, ex-primeiro-ministro francês e antigo candidato frustrado ao Eliseu, é um caso de estudo da Europa sem fronteiras, da cidadania europeia e de complicadas ambições políticas

Manuel Valls, 56 anos, nascido na Catalunha e naturalizado francês aos 20 anos, deixou recentemente crescer uma barba controlada e, depois de algumas derrotas políticas em França, anda a percorrer desde a primavera mercados e bairros da segunda maior cidade do reino de Espanha, a apertar mãos aos eleitores e a dizer “eu sou catalão e espanhol”.

Depois de ter sido pesadamente derrotado por duas vezes na corrida à presidência da República francesa, pretende concorrer à liderança da Câmara de Barcelona, em princípio em nome da Europa, da unidade da Espanha, contra a independência da Catalunha e com o apoio do movimento de centro-direita, Ciudadanos.

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI
(acesso gratuito para Assinantes ou basta usar o código que está na capa da revista E do Expresso, pode usar a app do Expresso - iOS e android - para fotografar o código e o acesso será logo concedido