Siga-nos

Perfil

Expresso

Diário

Chuva engorda lucro da EDP em €200 milhões sem baixar a fatura da luz

Após um 2017 de seca severa, contas das elétricas vão recuperar este ano

Rui Och\303\264a

Agência Moody’s antecipa que a forte pluviosidade dos últimos meses vai melhorar de forma significativa os ganhos das elétricas ibéricas. EDP e Iberdrola serão as mais beneficiadas

Miguel Prado

Miguel Prado

Jornalista

A estimativa é da agência Moody’s: a chuva deste primeiro semestre vai engordar os resultados das elétricas da Península Ibérica, especialmente as que têm uma elevada capacidade hidroelétrica. Só a EDP deve este ano ter um ganho adicional de 200 milhões de euros face ao ano passado.

Numa análise divulgada esta quinta-feira pela Moody’s sobre o sector elétrico ibérico, a agência de notação financeira conclui que “a Iberdrola e a EDP serão quem mais beneficiará em termos absolutos porque têm as maiores capacidades hídricas, aproximadamente 10 gigawatts (GW) e 7,3 GW de potência instalada, respetivamente”.

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI
(acesso gratuito para Assinantes ou basta usar o código que está na capa da revista E do Expresso, pode usar a app do Expresso - iOS e android - para fotografar o código e o acesso será logo concedido)