Siga-nos

Perfil

Expresso

Diário

Eletricidade em Portugal custa mais 40% que na Alemanha

Tiago Miranda

Os preços grossistas da eletricidade no mercado ibérico estão a subir desde o início do ano e as projeções para o segundo semestre apontam para uma provável subida da fatura das empresas e famílias

Miguel Prado

Miguel Prado

Jornalista

O mercado ibérico de eletricidade (Mibel) tem estado desde o início do ano a registar uma tendência de subida dos preços, que já aumentaram 21% e estão a “brindar” diversos clientes empresariais com aumentos tarifários de dois dígitos, ameaçando trazer também subidas da fatura energética para as famílias.

Os contratos no Mibel para a compra e venda de eletricidade no mercado português no terceiro trimestre deste ano estão a ser negociados a 63 euros por megawatt hora (MWh), um valor que está 40% acima dos 45 euros a que a eletricidade está a ser transacionada na Alemanha. O valor de referência da energia elétrica no mercado nacional está também 35% acima dos contratos que estão a ser firmados em França, onde o preço do MWh para o terceiro trimestre está em 46,5 euros. Os valores para o quarto trimestre são similares.

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI
(acesso gratuito para Assinantes ou basta usar o código que está na capa da revista E do Expresso, pode usar a app do Expresso - iOS e android - para fotografar o código e o acesso será logo concedido)