Siga-nos

Perfil

Expresso

Edição de 18 de Setembro de 2018

Estava escrito nas estrelas: o mapa astral da Aliança de Santana. Eletricidade atinge esta quarta-feira o preço mais alto do ano. Se Kavanaugh avançar sem escrutínio, os EUA “dão apoio implícito à agressão de mulheres”

Ler

Outras Edições

Sumário Caderno 1

O dia num minuto

  1. 2

    As 9 notícias que marcaram o dia

Temas principais

  1. 3

    Está escrito nas estrelas: o mapa astral da Aliança de Santana

    A Aliança, o novo partido de Pedro Santana Lopes, nasce esta quarta-feira com a entrega no Tribunal Constitucional das mais de 7.500 assinaturas necessárias. Estava escrito nas estrelas, costumava dizer o ex-enfant terrible do PSD, a quem Durão Barroso um dia comparou a “uma espécie de Zandinga ...”. O perfil astrológico da Aliança, que se apresenta sob o signo Virgem, vê “um futuro marcado pela acutilância e pela ação certeira”, com riscos de “alguns excessos e falta de concretização”

  2. 4

    Eletricidade atinge esta quarta-feira o preço mais alto do ano

    Energia no mercado ibérico alcança um novo recorde. Escalada de preços é mais um fator de pressão na preparação das tarifas de eletricidade para 2019

  3. 5

    Portugal e Angola “aos abraços”. Mas o passado não se esquece

    Há “paixão” e “abraços” mas também uma nova era na relação entre Portugal e Angola e foi João Lourenço a definir as regras do jogo diplomático: para que as coisas funcionem, é preciso “bom senso, pragmatismo e sentido de Estado”

  4. 6

    Os ovos do PCP e o Rui sem medo

    Por Vitor Matos

  5. 7

    Aviso: evitar que Grimaldo e André Almeida fiquem desapoiados. Sugestão para Gedson e Sálvio: corram, corram

    O grande segredo do Bayern é não ter segredos: o gigante alemão é altamente previsível na sua qualidade de jogo. Basta olhar para Robben: toda a gente sabe sempre o que ele vai fazer mas ele consegue sempre o que quer e os demais nem por isso. Tiago Teixeira explica tudo isto e ainda o que o Benfica deve fazer em campo na receção ao Bayern. O jogo começa às 20h desta quarta-feira no Estádio da Luz

  6. 8

    Se Kavanaugh avançar sem escrutínio, os EUA “dão apoio implícito à agressão de mulheres”

    O juiz Brett Kavanaugh estava a escassos dias de receber uma nomeação vitalícia para a mais alta instância jurídica dos EUA. Mas as alegações de agressão sexual feitas por uma mulher, quando eram ambos adolescentes, atravessaram-se-lhe no caminho. É provável que o caso beneficie os democratas nas intercalares de novembro mas nada é certo na América de Trump, mesmo quando “o navio se está a afundar”

  7. 9

    Rio na reunião que começa a discutir futuro de Orbán no PPE

    Presidente do PSD concorda com os eurodeputados sociais-democratas que votaram a favor do processo sancionatório contra a Hungria. Em Salzburgo, Rui Rio reúne-se ainda com os potenciais cabeças de lista do PPE na corrida às europeias e à presidência da Comissão Europeia.

  8. 10

    A revolução dos mares está atracada em Lisboa

    O primeiro barco no mundo capaz de produzir o seu próprio hidrogénio a bordo, por eletrólise a partir da água do mar, está na capital portuguesa até 30 de setembro e pode ser avistado no Cais das Colunas. Chama-se “Energy Observer” e é um laboratório flutuante que pretende alertar para o desenvolvimento sustentável

  9. 11

    Casaco inteligente 100% nacional quer iluminar as cidades e tem 20 dias para angariar 75 mil dólares

    Dois amigos juntaram-se à volta de uma mesa e agarraram uma ideia: criar um casaco que utiliza a tecnologia das fibras óticas para se conectar ao smartphone através de bluetooth e aumentar a segurança dos ciclistas e caminhantes noturnos. Concebido e produzido em Portugal, os fundadores lançaram uma campanha de crowdfunding na qual angariaram até agora 6% da sua meta de 80 mil dólares

  10. 12

    Só a diferenciação nos pode salvar dos robôs

    O ritmo da automação está a acelerar nas empresas em todo o mundo. Mas a tecnologia não é sinónimo de progresso para todos. Um estudo da OCDE divulgado esta terça-feira garante que o desenvolvimento tecnológico e a inteligência artificial podem agravar as desigualdades regionais entre os países e acentuar os níveis de desemprego em regiões já martirizadas pelo fenómeno

Opinião

  1. 13

    De El Dorado a mercado impossível a país normal. Portugal e Angola (ou vice-versa)

    Ricardo Costa

  2. 14

    O enlevo de Marques Mendes pela maioria absoluta

    Francisco Louçã

  3. 15

    Costa de calças na mão

    Daniel Oliveira

  4. 16

    Trump e o equívoco libertário

    Henrique Raposo

País

  1. 17

    O que acontece em Portugal

Mundo

  1. 18

    O que acontece lá fora