Siga-nos

Perfil

Expresso

Tribuna

Sete feridos em queda de bancada amovível no Benfica-Feyenoord (vídeo)

Uma das sete pessoas que ficaram feridas ao caírem de uma das bancadas amovíveis instaladas para o Torneio do Guadiana em futebol está em estado grave. (Veja vídeo SIC)

Uma das pessoas que ficaram sexta feira feridas ao caírem de uma das bancadas amovíveis instaladas para o Torneio do Guadiana em futebol está em estado grave, revelou a organização.

Num comunicado enviado à Agência Lusa, a Câmara Municipal de Vila Real de Santo António e a João Peres Sport, organizadores do Torneio do Guadiana, lamentaram hoje a queda de uma prancha de uma das bancadas amovíveis instalada no complexo desportivo municipal, que provocou a queda e ferimentos em seis pessoas. 

Inicialmente, a organização falou em cinco pessoas feridas e o Comando Distrital de Operações e Socorro (CDOS) deu conta de sete feridos ligeiros.

Incidente no final do Benfica-Feyenoord

O incidente registou-se no final do encontro de abertura da prova, entre Benfica e Feyenoord (4-1), quando o público deixava uma das duas bancadas amovíveis instaladas propositadamente para o torneio, que estava situada no lado nascente do estádio. 

Um helicóptero do Instituto Nacional de Emergência Médica esteve na localidade algarvia depois do acidente, constatou a Lusa no local. 

"O incidente, que se deveu à queda de um degrau da bancada nascente, causou seis sinistrados com fraturas, um deles em estado grave, que prontamente foram socorridos pelas equipas da Cruz Vermelha Portuguesa, Protecção Civil, INEM e Bombeiros Voluntários de Vila Real de Santo António, que se encontravam no local, e posteriormente encaminhadas para o Serviço de Urgência Básica (SUB)" da cidade algarvia, informou a câmara e a João Peres Sport no comunicado.

Presidente da Câmara abre inquérito

Foi também revelado que "o presidente da Câmara Municipal de Vila Real de Santo António, Luís Gomes, determinou de imediato a abertura de um inquérito para apuramento de responsabilidades" e "a Comissão de Inquérito será constituída por um técnico da autarquia vila-realense, um técnico da Autoridade Nacional de Protecção Civil (ANPC) e outro técnico do Instituto de Desporto de Portugal (IDP)". 

A autarquia informou ainda que para sábado "está marcada uma conferência de imprensa, às 12:00, no Complexo Desportivo de VRSA, onde será feito um ponto de situação".