Siga-nos

Perfil

Expresso

Tribuna

Bosingwa ausente da final da Taça

Treinador do FC Porto recusa favoritismo. Bosingwa não vai alinhar no Jamor por uma "decisão equilibrada".

Jesualdo Ferreira afirmou hoje em conferência de imprensa, após o treino da equipa no Jamor, que a Taça de Portugal vai ter amanhã uma final "disputada pelas duas melhores equipas portuguesas".

Mas o técnico do FC Porto recusou o favoritismo: "Numa final não há favoritos, mas sim duas equipas decididas a ganhar. São por mérito as que estão na final e este jogo despe-se de todo o passado que tivemos até ao momento".

Jesualdo assegurou ainda que "o espírito do FC Porto está bem". "Nada nos vai impedir de lutarmos por aquilo que queremos. Queremos de ganhar a Taça".

Questionado sobre a ausência do defesa de Bosingwa, de 25 anos, Jesualdo Ferreira disse terem sido respeitados os interesses do clube, do lateral-direito e do Chelsea. "Não foi nem imposição do Chelsea nem decisão exclusiva minha. Foi uma decisão tomada em função de um quadro que se apresentou de repente e que obrigava a tomar decisões equilibradas, respeitando interesses do FC Porto, do Chelsea e também o clima emocional que o Bosingwa viveu e vive", explicou.

Sobre outra baixa, desta vez a tocar a Liedson do lado do Sporting, Jesualdo reconheceu-lhe importância mas foi peremptório: "Não é a ausência do Liedson que nos vai tirar ou acrescentar preocupações", afirmou.

Lista de convocados:

Guarda-redes: Nuno e Ventura.

Defesas: Bruno Alves, Pedro Emanuel, Stepanov, João Paulo, Fucile e Lino.



Médios: Paulo Assunção, Kazmierczak, Lucho Gonzalez, Raul Meireles, Bolatti e Mariano.



Avançados: Ricardo Quaresma, Farias, Hélder Barbosa, Lisandro e Tarik Sektioui.