Siga-nos

Perfil

Expresso

Cultura

A Festa do Outono de Serralves acontece este fim de semana

Divulgacao

A décima edição da Festa do Outono realiza-se este fim de semana, no Parque de Serralves. A programação inteiramente gratuita é dedicada à arte e à sensibilização para as preocupações ambientais

Polémicas à parte - e sem zonas de acesso restrito -, o Parque de Serralves vai estar de portas abertas, este sábado e domingo, entre as 10h e as 19h, para celebrar a décima edição do “Festa do Outono”, uma iniciativa gratuita para desfrutar em família. A iniciativa inclui espetáculos de teatro, concertos, performances, instalações, jogos, workshops e oficinas criativas, numa oferta onde a cultura caminha de mãos dadas com a biodiversidade. O sexteto constituído por B Fachada, Éme, Maria Reis, Moxila, Sallim e Lourenço Crespo é um dos destaques, apresentando-se no Prado, pelas 18h de domingo.

A programação musical abarca igualmente as atuações de Fanfarra Káustica, Beautify Junkyards, do angolano Chalo Correia, bem como dos coletivos Palankalama e Campânula.

O cartaz apresenta, na área do teatro, as peças “Nascer”, com texto e encenação de Isabel Fernandes Pinto, o “Teatro de Sombras”, com direção artística de Luís Vieira e Rute Ribeiro, enquanto a “Objetoteca Popular Itinerante”, uma criação da companhia Teatro Ferro, é uma peça situada “algures entre a memória do pequeno circo familiar e o talk show, entre o comício construtivista e o espetáculo de variedades”, lê-se na sinopse do espetáculo.

No sábado, às 11h e com reposição às 16h15, ecoa no parque um “Cavalo-Marinho”, uma “canção que dança, que convida, puxa, suga todas as crianças para dentro de um Laguário, uma casa sem teto”, levando o público de palmo e meio a flutuar entre o céu e o mar, numa odisseia de peripécias na Floresta dos Búzios.

A Festa do Outono apresenta também três espetáculos de clown: “Amore” e “Libertenano”, de José Torres, e ainda “Paccottiglia”, da companhia Circo Pacco.

A edição de 2017 contou com mais de 55 mil visitantes. A programação integral pode ser consultada AQUI.