Siga-nos

Perfil

Expresso

Nysse Arruda Sailing

Transat Bretagne-Martinique - ao largo de Cabo Verde

O skipper solitário Erwan Tabarly continua a dominar a frota na rota atlântica.

Alexis Coucoux

Nysse Arruda

Os ventos de noroeste continuam a beneficiar o grupo mais a sul da frota de skippers solitários já se aproxima dos Cabo Verde, sob a liderança de Erwan Tabarly, e segue a boa velocidade. Já os dois concorrentes mais a norte e oeste na rota - Damien Guillou e Arnaud Godard Philippe - contam com ventos ligeiramente mais fracos, mas ainda assim estão a se aproximar do grupo sulista. A situação porém ainda está complexa para perceber qual das táticas permitirá um rumo direto para a Martinica.

"Avançamos a mais de 9 nós de velocidade média o que é muito agradável. O mar está calmo e o barco bem equilibrado. É uma boa velejada.", contou Gildas Morvan, em 4º lugar, cerca de 50 milhas atrás do líder Erwan Tabarly, que mantém à frente dos concorrentes há alguns dias.

Tabarly não tem por agora com que se preocupar em relação aos concorrentes, pois os ventos apenas permitem uma navegação em fila indicana. Mas o skipper Anthony Marchand, que segue em 8º lugar, a mais de 100 milhas de distância do líder, está a tentar uma pequena alteração de rota para norte, contando que o vento vai girar esta noite.

Leia mais em www.nyssearrudasailing.com