Siga-nos

Perfil

Expresso

A Europa desalinhada

Roménia: Grande manifestação contra a austeridade

Bucareste acolheu a maior manifestação anti-Governo desde a Revolução de 1989.

Clique para saber tudo o que se passa na Europa

"Em 19 de Maio, na Praça da Vitória, em Bucareste, além do desespero das pessoas, que foram empurradas para o limite da sobrevivência pela redução dos salários e das pensões de reforma, flutuava no ar outro sentimento - o desprezo." É o que escreve o "Gândul", na primeira página. Os manifestantes, vindos de todo o país, alguns deles brandindo o retrato de Nicolae Ceau?escu, acusam o Governo "de não ter cumprido o seu dever, ao ocultar a crise, de não ter tomado as medidas necessárias e de, de repente, ter anunciado medidas restritivas", explica este diário de Bucareste. "Como um médico que deixa uma infecção gangrenar e, depois, afirma que é preciso cortar o pé, ou morremos." As medidas governamentais, qualificadas como de "prioridade absoluta" pelo jornal, são a contrapartida do empréstimo concedido há um ano pelo Fundo Monetário Internacional. Esta manifestação, a de maior amplitude desde a Revolução de 1989, quase fez esquecer a aprovação, pela Câmara dos Deputados, da lei da purificação, que proíbe o acesso a determinados cargos da função pública a antigos membros do Partido Comunista.