Siga-nos

Perfil

Expresso

A Europa desalinhada

"Euronews", a torre de Babel da informação

Presseurop

Clique para saber tudo o que se passa na Europa

Imparcial, mas uma verdadeira aposta para os 400 jornalistas de três dezenas de nacionalidades com outros tantos olhares sobre o mundo. Para isso, "temos os mecanismos de segurança", insiste François Chignac, chefe de redação adjunto. A começar pela organização da redação, dividida por secções (Mundo, Economia, etc.), cada uma delas com onze jornalistas. Um por cada uma das línguas difundidas na "Euronews" - os gregos são um grupo à parte.



"Esta diversidade constitui um desafio permanente, explica Pedro Lasuen, chefe da secção de Desporto. Eu próprio sou de um país, a Espanha, que não cobre os desportos de inverno. E quando o jornalista inglês propõe um assunto sobre críquete, toda a secção treme!" Apesar das regras apertadas que regem a escolha dos assuntos, "há sempre alguém que não concorda, reconhece. Todos os jornalistas querem satisfazer os telespetadores dos seus países".



Saiba mais sobre a "Euronews" em Presseurop.eu.