Siga-nos

Perfil

Expresso

Do outro mundo

Anestesista adormece durante as operações. A última vez, foi num parto

Luis M. Faria

Não foi a primeira vez que o dr. Rajat Banerjee deixou a sala de operações após anestesiar um paciente. Há uns anos, isso aconteceu durante uma intervenção delicada e podia ter tido consequências graves, pois a dose não era suficiente. Felizmente, na altura apanharam-no a tempo de corrigir o erro. Agora ele repetiu a proeza. Após administrar anestesia a uma mulher que ia ter um parto, foi para a sala ao lado e adormeceu. Colegas seus descreveram uma cena de grande tranquilidade: braços cruzados, queixo no peito, pernas esticadas. "Pareceu-me estar a dormir", disse um colega com moderação britânica. 

Quem não achou graça foi o tribunal especial para médicos em Manchester, que tem estado a ouvir testemunhas (incluindo o próprio médico, obviamente) e poderá aplicar uma pena severa. Enfim, pelo menos ninguém dirá que o dr. Banerjee não mostrou empatia com os doentes.