Siga-nos

Perfil

Expresso

Nem Centeno é Deus nem o dinheiro cai do céu

O pedaço de autêntico ‘reality show’ que foi o encontro entre António Costa e Mário Nogueira, ontem, transmitido pelas televisões, mostra o grau de irrealismo a que se chegou. Os dois deslocaram-se (o segundo porque o primeiro lá ia) a Paredes de Coura e, em frente das câmaras de TV trocaram argumentos. Não sei quem ganhou na retórica, mas percebo que Costa tem razão em tudo… menos numa coisa: quando finge que não conhecia a intransigência do líder da Fenprof

Vamos a factos, Mário Nogueira tem certamente muitos defeitos e qualidades. Mas tem uma característica inegável – é mais do que teimoso. Ou, se preferirem em linguagem política, é intransigente e pouco moldável. Quando põe um pin na lapela a dizer que são nove anos quatro meses e dois dias que têm de repor no salário dos professores é muito difícil fazê-lo sequer aceitar um dia menos.

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI
(acesso gratuito para Assinantes ou basta usar o código que está na capa da revista E do Expresso, pode usar a app do Expresso - iOS e android - para fotografar o código e o acesso será logo concedido