Siga-nos

Perfil

Expresso

Atualidade / Arquivo

Túnel do Marão: Curiosos foram confirmar paragem das obras

"É mau este atraso, porque quanto mais depressa estiver concluído o túnel melhor", comenta um dos curiosos. As obras estão paradas à conta de uma providência cautelar. (Veja vídeo no fim do texto)

Apesar do nevoeiro e do frio, alguns curiosos fizeram questão de ir ontem espreitar o Túnel do Marão e confirmar a paragem das obras de construção do maior túnel rodoviário da Península Ibérica. Os trabalhos no Túnel do Marão estão suspensos desde terça-feira, devido a uma providência cautelar interposta pela empresa Águas do Marão, que alega que a obra vai prejudicar a exploração da água. 

António Fonseca, residente na Campeã, concelho de Vila Real, gosta de parar junto à Boavista para espreitar o andamento das obras no Túnel do Marão. "Hoje vejo as obras bastante paradas em relação à semana passada", afirma enquanto espreita para a serra, não se deixando intimidar pelo nevoeiro intenso, a chuva miudinha ou o frio. 

Obra "indispensável"

Este curioso diz que acredita que as obras não vão parar definitivamente, apesar de no local ainda se ver alguma movimentação de homens e máquinas que procedem a trabalhos exteriores. 

"Não acredito nisso, não depois de todo o investimento que já foi feito e do trabalho que deu aos técnicos", frisa. António Fonseca considera que a auto-estrada, que vai ligar Amarante a Vila Real, é "indispensável e vai dar jeito a muita gente". "Isto vai melhorar 60% em relação ao actual Itinerário Principal 4 (IP4)", sublinha. 

Também António Oliveira, de Amarante, gosta de espreitar de vez em quando o andamento da obra, que diz que "já devia estar concluída há muito tempo" para servir de alternativa ao IP4, onde já "houve demasiados acidentes e mortos". 

Alternativa ao IP4

A auto-estrada do Marão vai juntar-se à auto-estrada Transmontana, que ligará Vila Real a Bragança, transformando-se numa alternativa ao actual IP4 onde, na última década, em média, 24 pessoas por ano perderam a vida.

Alguns curiosos têm feito questão de ir espreitar o Túnel do Marão e confirmar a paragem das obras

Alguns curiosos têm feito questão de ir espreitar o Túnel do Marão e confirmar a paragem das obras

Lusa

"Estou aposentado e é uma maneira de passar o tempo, subindo a serra para espreitar as duas bocas de obra. Mas hoje não se vê quase nada por causa do nevoeiro", sublinhou. Além do mais, as obras "não vão implicar com as águas do Marão porque o túnel passa longe da captação de águas". 

Manuel Alves, da Campeã, foi outro dos curiosos que fez questão de ir ao local comprovar a interrupção das obras e desabafar: "É mau este atraso, porque quanto mais depressa estiver concluído o túnel melhor". É que o troço do IP4 que atravessa a serra do Marão é o "mais perigoso, principalmente no Inverno, devido ao gelo e à neve". 

Conclusão em 2012

Inserido na auto-estrada do Marão, o túnel vai ter uma extensão de 5,6 km. A nova via possuirá uma extensão total de 29,8 km e passará, a partir de 2012, a ligar Amarante a Vila Real. 

As obras vão continuar paradas até decisão em contrário por parte do Tribunal Administrativo de Penafiel.