Siga-nos

Perfil

Expresso

Atualidade / Arquivo

Tráfego ferroviário suspenso no Canal da Mancha

A circulação de comboios no Canal da Mancha foi hoje suspenso temporariamente "por um problema de um comboio" no interior no túnel.

O tráfego ferroviário entre o Reino Unido e o continente foi hoje suspenso temporariamente "por um problema de um comboio" no interior no túnel sob o Canal da Mancha, anunciou a Eurostar.

A Eurostar, empresa que opera os comboios de alta velocidade que ligam Londres a Bruxelas e Paris através deste túnel, informou que nenhuma das suas rotas está operativa.

"Estamos parados devido a um problema ocorrido num comboio da Eurtunel (a empresa que gere o túnel), mas nenhum dos nossos comboios está neste momento no interior do túnel", declarou um porta-voz da Eurostar em comunicado.

Túnel sem passageiros retidos

A Eurostar precisou que não há passageiros retidos, como aconteceu em Dezembro, quando vários comboios estiveram toda a noite dentro do túnel devido a uma avaria em várias composições, com cerca de duas mil pessoas a bordo.

A empresa atribuiu na altura as avarias ao brusco contraste entre o frio do exterior e o calor no interior do túnel, que afetou os sistemas elétricos dos comboios.

A Eurostar também suspendeu durante duas semanas de fevereiro os seus serviços para Bruxelas, na sequência da colisão de dois comboios nas imediações da capital belga, num acidente que custou a vida a 18 pessoas.

*** Este texto foi escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico ***

Clique para ler a Nota da Direcção do Expresso sobre o novo Acordo Ortográfico.