Siga-nos

Perfil

Expresso

Atualidade / Arquivo

Terrakota celebram dez anos de multiculturalidade

Documentário e concerto especial, amanhã, no cinema São Jorge, marcam o 10.º aniversário dos Terrakota e a sua demanda pela multiculturalidade.

João Oliveira (www.expresso.pt)

Os Terrakota celebram dez anos de carreira com um concerto especial, agendado para amanhã, no cinema São Jorge, onde também apresentam um documentário sobre a viagem que fizeram aos Himalaias, em Agosto de 2009.

Às 22h, na sala 3 do cinema São Jorge, é projectado o documentário "Terrakota no Topo do Mundo - Diário da Viagem aos Himalaias", realizado por Pedro Coquenão.

Para as 23h está marcado o início do concerto, na sala 1, com os convidados Francisco Rebelo, João Gomes e Nuno Reis (Cool Hipnoise), Trinta e Kiko (Kumpania Algazarra) e outras surpresas.

Novo álbum editado no Outono

No concerto de amanhã, a banda vai aproveitar para visitar alguns dos melhores momentos da carreira e revelar algumas novidades do álbum que estão a preparar e que deve sair no Outono.

Este álbum de originais é inspirado na viagem aos Himalaias, no Verão passado, onde foram convidados a tocar a 3 500 metros de altitude.

O disco propõe uma viagem do Oriente rumo ao Ocidente, passando pelo Senegal, cruzando-se com várias etnias africanas, até chegar a Angola, onde apanha um navio negreiro em direcção ao Caribe, fazendo escala no Brasil.

Multiculturalidade é o ponto de partida

"World Massala" é o novo single, que já roda na televisão e rádios nacionais, que apela à multiculturalidade, à diversidade cultural de cada continente, país, cidade... de cada pessoa.

O vocalista e guitarrista Júnior defende que "a multiculturalidade é um pilar do desenvolvimento social da humanidade".

Romi Anauel, vocalista, pretende "uma sociedade mais sensível e feminina, defendendo "o regresso a valores intemporais de ligação entre as pessoas e a natureza". Para a angolana, "a felicidade não vem de fora mas de dentro de cada um".