Siga-nos

Perfil

Expresso

Atualidade / Arquivo

Tailândia: Situação no país "está normal"

A garantia foi dada pelo primeiro-ministro tailandês, Abhisit Vejjajiva.

O primeiro-ministro tailandês, Abhisit Vejjajiva, considerou hoje que a situação no país está normal, após sábado ter levantado o recolher obrigatório e ter apelado à reconstrução do pacto social entre o povo e o governo. 

"A situação está normal (...). As autoridades vão 'abrir o olho' e, depois, vamos considerar o levantamento do estado de emergência", declarou na sua comunicação televisiva semanal. 

O recolher obrigatório tinha sido imposto a 19 de maio em Banguecoque e 23 províncias do país, após o assalto do exército contra os manifestantes anti-governamentais que ocupavam há várias semanas o centro da capital, exigindo a saída de Abhisit. 

O governo mantém o estado de emergência, em vigor desde 07 de abril. Esta medida de exceção proíbe qualquer concentração de mais de cinco pessoas e permite às forças de segurança fazer detenções sem mandado judicial. 

Entre o início das manifestações dos "camisas vermelhas", em meados de março, e a sua dispersão pela força, a 19 de maio, foram mortas pelo menos 88 pessoas e perto de 1.900 ficaram feridas. 

*** Este texto foi escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico ***

Clique para ler a Nota da Direcção do Expresso sobre o novo Acordo Ortográfico.