Siga-nos

Perfil

Expresso

Atualidade / Arquivo

Stephen King tomado por vândalo

O argumentista de "Carrie" e "Shining" foi "apanhado"... a autografar os seus próprios livros.

Visitas inesperadas podem ter resultados surpreendentes, principalmente tratando-se de personagens famosos com quem não estamos à espera de nos cruzarmos na livraria do bairro. Foi o que aconteceu com o consagrado e internacionalmente famoso escritor e argumentista Stephen King que, de passagem por Alice Springs, na Austrália, foi tomado por vândalo ao ser "apanhado" a autografar os seus próprios livros.

O autor de filmes como "Shinning", "Carrie" e "Misery" ainda teve tempo para autografar meia dúzia de exemplares do seu último romance "Lisey’s Story" antes de ser impedido de continuar pela dona da livraria, que só depois o reconheceu, atrapalhada. Na verdade, nem o agente de King para a Austrália tinha conhecimento da sua presença no país.

Bev Ellis contou posteriormente a jornalistas da Australian Broadcasting Corporation que é comum os escritores passarem pela livraria, procurarem onde se encontram expostos os seus livros e chegarem a autografar alguns exemplares. Embaraçante é quando eles não os encontram porque a livraria não os tem para venda.

No caso dos seis livros autografados por King, um foi imediatamente vendido a um cliente que se encontrava na loja e se apercebeu do privilégio e os restantes têm por destino ser doados a organizações caritativas locais.