Siga-nos

Perfil

Expresso

Atualidade / Arquivo

Sortes diferentes para FC Porto e Benfica

Encarnados perderam em Glasgow, dragões golearam o Hamburgo. Tiago e Cristiano Ronaldo têm o apuramento praticamente garantido.

FC Porto e Benfica tiveram sortes diferentes na terceira jornada da fase de grupos da Liga dos Campeões. Os dragões cumpriram a obrigação de vencer e golearam mesmo os alemães do Hamburgo (4-1), mas o Benfica não conseguiu fazer o mesmo frente ao Celtic, acabando derrotado por 3-0, um resultado que pode comprometer seriamente o apuramento da equipa de Fernando Santos.

O FC Porto entrou em campo decidido a resolver o jogo cedo e logo aos 14 minutos, Lisandro abriu o marcador, concluindo uma jogada de contra-ataque conduzida pelo brasileiro Anderson. Em vantagem no marcador, os azuis-e-brancos não desarmaram, e continuaram a dominar o jogo. O segundo golo, no entanto, surgiu apenas no último minuto da primeira parte. Lucho marcou de «penalty», depois de um corte infantil com a mão de Ljuboja. Nessa altura, Jesualdo Ferreira já tinha sido forçado a trocar o lesionado Anderson por Jorginho.

Na segunda parte, o FC Porto sentiu, claramente, que podia abrandar o ritmo, tal era a superioridade evidenciada. Ainda assim, houve tempo para mais dois golos. Primeiro, aos 69 minutos, num bom golpe de cabeça de Postiga após centro de Quaresma e, depois, novamente Lisandro, a finalizar depois de excelente trabalho individual de Bruno Moraes. O jogo caminhava para o fim e, no último minuto, tempo para o tento de honra dos alemães, num bom remate de Trochowski.

Nos dragões, destaque para a estreia prometedora de Fucile e para o regresso de Bruno Moraes, sem competir há mais de um ano.

Benfica compromete

Depois de uma boa vitória em Leiria, complementada com a melhor exibição da época, o Benfica voltou aos dias cinzentos em Glasgow. Os encarnados realizaram uma exibição bastante pobre, nunca se conseguindo superiorizar ao Celtic. No final, três golos sem resposta e as possibilidades de qualificação bastante comprometidas.

Os escoceses entraram forte, pressionando muito os jogadores encarnados, mas não conseguiram chegar ao golo. O Benfica, aos poucos, foi ganhando mais tempo de posse de bola e chegando mais perto da área do Celtic, mas também nunca conseguiu ser verdadeiramente perigoso. O intervalo chegou com 0-0 no marcador.

Na segunda metade, os católicos de Glasgow entraram determinados em concretizar em golos o domínio evidenciado e, aos 56 minutos, Miller desviou um cruzamento de Naylor para o fundo das redes de Quim. O Benfica tentou responder, e só por azar não empatou no minuto seguinte, com Nuno Assis a rematar forte à trave da baliza de Boruc. Dez minutos volvidos, o Celtic chegou ao 2-0. Jogada de contra-ataque conduzida por Maloney que, depois de tirar Petit do caminho, isolou Miller, que à saída de Quim não teve dificuldade em marcar. O vencedor estava encontrado. Os jogadores do Benfica estavam perdidos e, até final, foi apenas passar o tempo, ver o ambiente frenético do Celtic Park e assistir ao terceiro golo dos escoceses, marcado por Pearson aos 90 minutos, apenas dois depois de ter entrado para o lugar de Sno.

Tiago e Ronaldo quase apurados

Nos restantes jogos do dia, destaque para as vitórias de Lyon e Manchester United. As duas equipas conseguiram o terceiro triunfo noutros tantos jogos, garantindo praticamente a passagem à próxima fase. Nos «red devils», Cristiano Ronaldo foi titular e assistiu O’Shea para o segundo golo da equipa, enquanto Tiago foi suplente no Lyon, entrando para os últimos dez minutos.

RESULTADOS DE ONTEM

Grupo E

Dinamo Kiev – Lyon, 0-3

Steaua Bucareste – Real Madrid, 1-4

Grupo F

Celtic – Benfica, 3-0

Manchester United – FC Copenhaga, 3-0

Grupo G

FC Porto – Hamburgo, 4-1

CSKA Moscovo – Arsenal, 1-0

Grupo H

Lille – AEK Atenas, 3-1

Anderlecht – AC Milan, 0-1

CLASSIFICAÇÃO

Grupo E

1. Lyon, 9 pontos

2. Real Madrid, 6

3. Steaua Bucareste, 3

4. Dinamo Kiev, 0

Grupo F

1. Manchester United, 9 pontos

2. Celtic, 6

3. FC Copenhaga, 1

4. Benfica, 1

Grupo G

1. CSKA Moscovo, 7 pontos

2. Arsenal, 6

3. FC Porto, 4

4. Hamburgo, 0

Grupo H

1. AC Milan, 7 pontos

2. Lille, 5

3. Anderlecht, 2

4. AEK Atenas, 1