Siga-nos

Perfil

Expresso

Atualidade / Arquivo

Sons da frente em Paredes de Coura

O rock alternativo continua a ser o prato forte do Festival Paredes de Coura, que arranca domingo com um cartaz que este ano conta com nomes como Babyshambles, M.I.A., Sonic Youth, Dinosaur JR, New York Dolls, Gogol Bordello e Cansei de Ser Sexy.

Continua a ser o festival que mais aposta em novas bandas de rock alternativo, algumas das quais em fusão com a electrónica. Muitos dos projectos apresentados pela primeira vez em Portugal em Paredes de Coura têm, aliás, vindo a marcar presença em anos seguintes em outros festivais. Babyshambles, M.I.A., Sonic Youth, Dinosaur JR, New York Dolls e Cansei de Ser Sexy são alguns dos destaques da edição de 2007, que arranca no domingo com a habitual noite de recepção ao campista.

Nesse dia “zero” já haverá música, mas apenas no palco “after hours”, com dj Fra, Simian Mobile Disco, Devotchka e Sizo. Segunda-feira o palco principal conta com a actuação dos Babyshambles, o projecto do ex-Libertines Peter Doherty (que tem andado nas bocas no mundo pelas suas constantes presenças em tribunal por uso de drogas) naquele que deverá ser o seu único concerto este ano fora do Reino Unido e onde irá apresentar os novos temas do segundo disco ainda por lançar.

Outra novidade em Portugal será M.I.A., a londrina (descendente de uma minoria étnica do Sri Lanka) Mathangi “Maya” Arulpragasam, cuja música é uma estranha mistura de hip hop, ragga, funk carioca e electrónica, isto para além dos Mando Diao, Blasted Mechanism, Sparta e New Young Pony Club. Terça-feira o palco principal encerra com duas bandas de referência na área do rock alternativo os Dinosaur JR e New York Dolls. Antes passam também pelo palco principal os portugueses Mão Morta ou os Gogol Bordello (cujo “punk cigano” se tornou mundialmente conhecido após ter sido “descoberto” por Madonna e que se estrearam recentemente em palcos nacionais no Festival Músicas do Mundo). O encerramento do festival, na quarta-feira, ficará marcado pela presença de outra referência do rock alternativo, os Sonic Youth, para além dos brasileiros Cansei de Ser Sexy, do “rock feminino” dos Electrelane e do trio sueco Peter, Bjorn & John.   

Isto apenas no palco principal, porque nos secundários há desde finais de noite com música de dança, a tardes de jazz e de projectos experimentais e a um ciclo de cinema documental sobre música.

A somar a tudo isto Paredes de Coura tem ainda a seu favor o facto de contar um magnifico anfiteatro natural junto à praia fluvial do rio Tabuão. Este ano a organização decidiu criar bilhetes com preços especiais para famílias.