Siga-nos

Perfil

Expresso

Atualidade / Arquivo

Sócrates e Zapatero debatem mercado da energia

Energia, imigração e ciência são os principais temas em debate no encontro que reúne, entre hoje e amanhã, os governantes de Portugal e Espanha.

O primeiro-ministro, José Sócrates, e o presidente do Governo espanhol, José Luís Zapatero, reúnem-se hoje, em Badajoz, no início da XXII Cimeira Luso Espanhola, que será marcada pelos temas da União Europeia, energia imigração e ciência.

O tema mais delicado, a debater ao longo dos dois dias de cimeira, é o do aprofundamento do Mercado Ibérico da Energia (Mibel). Neste momento, o Governo de Madrid está a ponderar a possibilidade de o pólo espanhol do Mibel, o OMEL, poder realizar leilões de contratos a prazo, além da sua actividade no mercado diário - decisão que, de acordo com especialistas, colidirá com as competências do pólo português do Mibel – o OMIP –, comprometendo a sua viabilidade.

Antes de ser conhecido este possível desenvolvimento por parte de Espanha, o secretário de Estado da Indústria e da Inovação, Castro Guerra, afirmava esperar que a próxima cimeira Luso Espanhola se traduzisse "num consenso sobre as interligações eléctricas" em torno da necessidade de "introduzir mais energia no mercado" dos dois países.

Portugal pretendia também rever em alta o actual valor de cinco por cento referente à obrigatoriedade dos comercializadores regulados comprarem no OMIP a energia vendida aos seus clientes regulados.

Na cimeira de Badajoz merecerão ainda destaque os temas da ciência e do combate à imigração clandestina e controlo dos fluxos migratórios – ponto em que os governos de Lisboa e de Madrid se têm batido junto de Bruxelas a favor de uma política europeia de imigração.

Paralelamente ao encontro entre Sócrates a Zapatero, hoje, ao fim da tarde, os ministros da Administração Interna (António Costa), dos Negócios Estrangeiros (Luís Amado), da Defesa (Nuno Severiano Teixeira), da Economia e Inovação (Manuel Pinho), do Ambiente e Ordenamento do Território (Nunes Correia), do Trabalho e da Segurança Social (Vieira da Silva), da Saúde (Correia de Campos) e do Ensino Superior, Ciência e Tecnologia (Mariano Gago) terão reuniões sectoriais com os seus homólogos espanhóis.

No sábado, ao início da manhã, antes da assinatura de acordos e da conferência de imprensa conjunta, Sócrates e Zapatero dão um passeio a pé pelas ruas de Badajoz, até ao Museu Arqueológico da cidade, onde terá lugar a reunião plenária da XXII Cimeira Luso Espanhola.