Siga-nos

Perfil

Expresso

Atualidade / Arquivo

Sabia que...

Desde a década de 70, quando entrou no futebol, a ciência começou a dar resposta a muitas questões.

No fim-de-semana de arranque da Liga, saiba que os penáltis, ao contrário do que se julga, não são uma lotaria, que há limitações humanas na análise do fora-de-jogo ou por que há vantagens em se «jogar em casa».

... 14,2 km a uma velocidade média de 8,8 km/h foi a distância percorrida em média por um dos médios do Sporting nos últimos nove jogos realizados pela equipa em Alvalade. O estudo da Faculdade de Motricidade Humana sobre outros dois jogadores revela que um defesa correu 13 km, a uma velocidade média de 10,5 km/h ; e um avançado fez 11,2 km, à velocidade média de 9,6 km/h.

... 2.000 é o número médio de pontapés dados numa bola durante um típico jogo de futebol.  10 a 15 é o número de milissegundos em que o pé está em contacto com o esférico durante um remate. 8 é o número de cm (dos 22 originais de diâmetro) que uma bola pode perder no exacto momento de um chuto. 200 a 500 é a força de impacto, medida em quilos, de um remate num esférico.

... 2,5 é o número de quilos perdidos por um jogador durante um jogo, devido à transpiração. 67% é a percentagem da alimentação diária de um homem gasta durante uma partida. 32 a 43% das dores de cabeça acontecem por cabeçadas mal dadas. A acção, repetida muitas vezes e com impactos fortes, pode causar lesões que diminuem a capacidade de memória, inteligência e planeamento.

... 681 foi o número de golos marcados na I Liga portuguesa, acentuando a crise dos últimos anos: 2004/5, 711; 03/04, 729; 02/03, 806; 01/02, 818; 00/01, 807; 99/00, 739; 98/99, 810; 97/98, 770; 96/97, 760. 2,2 foi a média de golos marcados em cada jogo da I Liga na última época. A mais produtiva foi a liga holandesa (3,0), seguida pela Escócia (2,9) e Alemanha e Turquia (2,8). Pior que Portugal só a França (2,1).