Siga-nos

Perfil

Expresso

Atualidade / Arquivo

Obstetrícia do Garcia de Orta com novo director

Victor Neto assumiu hoje a direcção do 'novo' Serviço de Ginecologia-Obstetrícia do Hospital Garcia de Orta. Escolha promete polémica porque o clínico tem um processo na Ordem dos Médicos.      

Vera Lúcia Arreigoso (www.expresso.pt)

Começou hoje a funcionar o 'novo' Serviço de Ginecologia-Obstetrícia do Hospital Garcia de Orta, em Almada. A valência resulta de uma fusão dos dois serviços até aqui em funcionamento e tem como objectivo colmatar a falta de profissionais recentemente agravada com a saída para o Hospital de Cascais de oito dos 23 médicos em funções.

O serviço passa agora a estar sob a direcção do médico Victor Neto, requisitado ao Hospital de São Francisco Xavier, em Lisboa, e cuja escolha está a ser criticada por alguns dos especialistas seniores. Em causa está o facto do clínico ter um processo na Ordem dos Médicos por alegada má prática médica e ser detentor da categoria de assistente graduado e não chefe de serviço, hierarquicamente superior.

A administração do hospital adianta apenas que "a Ordem dos Médicos não deu nenhuma indicação sobre o dr. Victor Neto. A nossa avaliação baseia-se no seu currículo", diz o assessor de comunicação, Nuno Crespo.

Victor Neto acusado de prática negligente

Contactado pelo Expresso, o médico confirmou a existência do processo. O caso tem alguns anos e está relacionado com uma alegada prática negligente durante um parto e que terá provocado lesões cerebrais no bebé.

"De facto, há um processo na Ordem dos Médicos e já foi arquivado duas vezes pelo Ministério Público. A Ordem dos Médicos condenou-me a dez dias de suspensão e eu recorri".

Sobre a contestação interna, Victor Neto admite não estar surpreendido. "Compreendo e aceito que haja resistência". Ainda assim, salienta: "As coisas estão a correr bem. A administração falou com todos os médicos e fui aceite. Eu próprio falei com alguns, não tendo havido nenhuma oposição", diz ao Expresso.

O clínico garante ainda que o seu papel é apenas o de "ajudar uma equipa constituída por profissionais muito competentes".