Siga-nos

Perfil

Expresso

Atualidade / Arquivo

Nova vaga de calor

Índice de radiação ultravioleta (IUV) deverá ser «muito alto», pelo que o Instituto de Meteorologia recomenda a protecção da pele e dos olhos.

Na próxima segunda-feira o Interior Centro e Sul vão entrar em onda de calor,  fenómeno que poderá estender-se a outras regiões. As temperaturas ultrapassarão os 40ºC no Alentejo, nomeadamente em Évora e Beja, pelo que  o Instituto de Meteorologia (IM) e o Serviço Nacional de Bombeiros e Protecção Civil  deverão lançar um aviso de alerta Amarelo e Laranja para os locais onde se espera um acentuado aumento das máximas.

Hoje, a zona do Interior alentejano já entrou em alerta Laranja. No resto do país (Interior e Litoral), porém, a situação agrava-se a partir de amanhã, sendo esperadas temperaturas muito elevadas já no domingo.

Como medidas de prevenção dos efeitos do calor sobretudo nos idosos, acamados, doentes crónicos e crianças, a Direcção-Geral da Saúde recomenda o consumo de líquidos, sobretudo de água ou sumos de fruta natural. No entanto, devem ser evitadas bebidas alcoólicas, gaseificadas, com cafeína ou ricas em açúcar.

Segundo o IM, o tempo mais quente deve-se ao facto de o anticiclone dos Açores se estender em crista para o golfo da Biscaia.  Num comunicado divulgado no passado dia 30, os meteorologistas já advertiam para a possibilidade de ocorrência (quarta, quinta e sexta-feira) de temperaturas acima da média para a época, atingindo frequentemente valores entre os 35 e os 40 graus Celsius.  

No entanto, ao contrário das previsões, registou-se hoje um ligeiro arrefecimento matinal «devido ao nevoeiro que ocorreu  [com menos intensidade em Lisboa] em toda a faixa litoral, do Vale do Tejo até à fronteira e também na zona do Douro». As temperaturas voltaram a aumentar da parte da tarde. 

Às 15h de hoje, os termómetros marcavam  40ºC em Amareleja, 39.4 ºC em Elvas,  38.3 ºC em Beja e Avis,  38.4ºC em Évora e 36.4 ºC em Castelo Branco.