Siga-nos

Perfil

Expresso

Atualidade / Arquivo

Materializar pensamentos

Pela primeira vez uma equipa de cientistas conseguiu ver imagens vindas, directamente, do cérebro.

Adivinhar pensamentos pode estar perto de se tornar uma realidade. Um grupo de cientistas japoneses conseguiu, pela primeira vez, ver imagens vindas, directamente, do cérebro.



Os cientistas da ATR Computational Neuroscience Lab, em Kyoto, criaram um scanner que lê actividades do cérebro e depois as reconstrói. Ou seja, criaram um aparelho que reproduz em imagens o que uma pessoa está a pensar, através da conversão de sinais electrónicos enviados ao cortéx visual em ilustrações.



O primeiro teste do método teve nota positiva. Dois voluntários fixaram o olhar em 400 imagens a preto e branco durante 12 segundos, para elaborarem um padrão no scanner. Depois foi-lhes medido o córtex cerebral enquanto olhavam para a palavra neurónio e para cinco figuras geométricas.

Assim, quando os voluntários olhavam para uma imagem, a equipa podia encontrar referências na actividade do cérebro e construí-las na máquina.