Siga-nos

Perfil

Expresso

Atualidade / Arquivo

Líder dos "Camisas Vermelhas" atingido a tiro

Khattiya Sawatdiphol, líder dos "Camisas Vermelhas" que lutam pela queda do Governo na Tailândia, foi atingido a tiro na cabeça e transportado para o hospital, avança a AP.

João Oliveira (www.expresso.pt)

A Associated Press avança que Khattiya Sawatdiphol, um dos líderes do grupo tailandês anti-Governo "Camisas Vermelhas", foi atingido a tiro na cabeça em Banguecoque, quando dava uma entrevista ao "The New York Times".

De acordo com um repórter do "The New York Times", Thomas Fuller, o disparo ocorreu enquanto estava a entrevistar o general, também conhecido por Seh Daeng.

Fuller tirou uma fotografia ao líder dos "Camisas Vermelhas" pouco tempo antes do disparo, que está publicada no site do "The New York Times".

Disparos e explosões

Depois do disparo, ouviram-se vários disparos e explosões, em Banguecoque, grande parte vinda da área ocupada pelos protestantes.

Vários meios de comunicação social tailandeses noticiam ainda que Khattiya foi levado para o hospital.

Kahttiya Sawatdiphol é um general rebelde que o Governo tailandês apelidou de "terrorista" e é um dos responsáveis pelos violentos protestos anti-Governo dos "Camisas Vermelhas".