Siga-nos

Perfil

Expresso

Atualidade / Arquivo

IKEA anuncia novo retail park também em Loures

A cadeia de mobiliário IKEA que hoje inaugurou, em Loures, a maior loja do grupo na Península Ibérica, anunciou também a abertura, em 2012, de um retail park naquele concelho.

A cadeia de mobiliário IKEA que hoje inaugurou, em Loures, a maior loja do grupo na Península Ibérica, anunciou a abertura, em 2012, de um retail park naquele concelho.       O futuro retail park de Loures, cujas obras irão iniciar-se no início do próximo ano, terá 19 mil metros quadrados e criará 320 postos de trabalho, segundo o diretor de expansão do IKEA Portugal, António Machado.     "Será um dos primeiros retail park do grupo e terá um conceito bastante diferente daqueles que existem", referiu hoje o responsável, à margem da inauguração da loja de Loures, a terceira do grupo em Portugal.     António Machado disse que a crise económica e as medidas de austeridade do Governo não vão desviar os objetivos da empresa sueca que, no seu plano de expansão, prevê abrir até 2015 mais sete lojas e dois centros comerciais em território português, nomeadamente em Gaia e Loulé, num investimento total de 1,1 mil milhões de euros.  

"Salutar os esforços que o IKEA tem feito para promover a empregabilidade" 

Relativamente à loja IKEA de Loures, que hoje abriu ao público, o diretor de expansão apontou como objetivo faturar 100 milhões de euros nos dois primeiros anos de exercício, um valor próximo daquele que foi conseguido nas restantes lojas do grupo sueco.     O novo empreendimento, que representa um investimento global de cerca de 70 milhões de euros, criou cerca de 480 postos de trabalho diretos e cerca de 100 indiretos e tem uma área de 38.500 mil metros quadrados, incluindo um parque com 2.350 lugares de estacionamento.  

O IKEA de Loures irá empregar 480 trabalhadores, sendo que 70 por cento possui um curso superior e cerca de 200 veio do centro de emprego.     " O Governo valoriza muito a promoção do emprego e é de salutar os esforços que o IKEA tem feito para promover a empregabilidade. Aqui nesta loja estou segura que terão oportunidade de desenvolver as suas carreiras", referiu a ministra do Trabalho e da Solidariedade Social, Helena André, que esteve também presente na cerimónia.  

Dois milhões de visitantes no primeiro ano 

Por seu turno, o presidente da Câmara Municipal de Loures, Carlos Teixeira, realçou o facto do concelho ter das taxas de desemprego mais baixas do país e que a vinda do IKEA contribuiu ainda mais para diminuir essa taxa.      A centralidade do concelho de Loures em relação à Área Metropolitana de Lisboa, assim como as acessibilidades e a proximidade com o aeroporto foram alguns dos motivos evocados pelo diretor de expansão do IKEA, António Machado, para justificar a escolha da localização da loja, que espera receber durante o primeiro ano cerca de dois milhões de visitantes.    *** Este texto foi escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico***