Siga-nos

Perfil

Expresso

Atualidade / Arquivo

Galardão vai para um francês e um alemão

Os cientistas Albert Fert e Peter Grunberg são os vencedores do Prémio Nobel da Física, pela descoberta da magnetorresistência gigante, que permite ler as informações nos discos rígidos dos computadores.

Maria Luiza Rolim

O francês Albert Fert e o alemão Peter Grunberg  foram distinguidos esta terça-feira com o prémio Prémio Nobel da Física 2007, pela descoberta da magnetorresistência gigante. O Comité Nobel recompensa desta forma uma descoberta que "revolucionou as técnicas que permitem ler a informação armazenada no disco rígido" dos computadores. É graças a esta tecnologia que, nos últimos anos, tem sido possível reduzir o tamanho dos discos rígidos de aparelhos electrónicos como os computadores portáteis, explica a organização do Nobel, em comunicado.

O Prémio Nobel da Física, no valor de 1,1 milhões de euros (dez milhões de coroas suecas) será entregue juntamente com os demais galardões no dia  10 de Dezembro, aniversário da morte do seu fundador, Alfred Nobel. 

Segundo o comunicado  da Real Academia de Ciências da Suécia, os trabalhos dos dois investigadores foram desenvolvidos em separado.