Siga-nos

Perfil

Expresso

Atualidade / Arquivo

Ferreira Leite nova chanceler do Conselho das Ordens Nacionais

Cavaco Silva aprovou a nova composição dos três Conselhos das Ordens Honoríficas Portuguesas. Manuela Ferreira Leite toma posse amanhã como Chanceler do Conselho das Ordens Nacionais.

Maria Luiza Rolim (www.expresso.pt)

<#comment comment="[if gte mso 9]> Normal 0 21 false false false MicrosoftInternetExplorer4 <#comment comment="[if gte mso 9]> <#comment comment="[if !mso]> <#comment comment="[if gte mso 10]>

A antiga líder do PSD e ex-ministra da Educação e das Finanças, Manuela Ferreira Leite, foi escolhida por Cavaco Silva para ocupar o lugar de chanceler do Conselho das Ordens Nacionais. Para o Conselho das Antigas Ordens Militares fica como chanceler o tenente-general Vasco Rocha Vieira .

O Presidente da República aprovou hoje a nova composição dos três Conselhos das Ordens Honoríficas Portuguesas.

De acordo com uma nota publicada hoje na página da Internet da Presidência da República, os novos membros são empossados na próxima quarta-feira, às 15h30, numa cerimónia no Palácio de Belém.

Veiga Simão será vogal

Manuela Ferreira Leite, cujo nome foi escolhido para o cargo mais elevado do Conselho das Ordens Nacionais, foi condecorada por Cavaco Silva no último 10 de junho, Dia de Portugal, de Camões e das Comunidades, com a Grã-Cruz da Ordem de Cristo.

Os vogais do Conselho das Ordens Nacionais são o antigo ministro da Defesa Veiga Simão, o ex-ministro das Finanças Jacinto Nunes, a ex-secretária de Estado do PSD Isabel Mota, a ensaísta e professora universitária Maria Alzira Seixo, o antigo presidente da Fundação de Serralves António Gomes de Pinho, a investigadora Elvira Fortunato, o general Garcia dos Santos e o professor universitário João Bonifácio Serra.

Antigas Ordens Militares e Mérito Civil

À frente do Conselho das Antigas Ordens Militares fica como chanceler o tenente-general Vasco Rocha Vieira e como vogais o general Gabriel Espírito Santo, o coronel Fernando Lobato de Faria, o embaixador José Faria Quiteres, João Maurício Fernandes Salgueiro, o general Jorge Manuel Brochado de Miranda, o almirante Mendes Cabeçadas, para além de José Júlio Pereira Cordeiro Blanco e de Maria Olga Douwens Prats.

No Conselho das Ordens de Mérito Civil fica como chanceler o embaixador António Pinto da França e como vogais os embaixadores Gonçalo Aires de Santa Clara Gomes e João Alberto da Rocha Páris, Fernando Guedes Bianchi-de-Aguiar, Maria João Espírito Santo Bustorff Silva, Francisco Xavier Miranda de Avillez, o reitor da Universidade de Lisboa António Sampaio da Nóvoa, Leonor Freitas e Vasco Maria Guimarães José de Mello.