Siga-nos

Perfil

Expresso

Atualidade / Arquivo

Fã dos UHF condenada

Uma do vocalista da banda portuguesa UHF foi hoje condenada a dois anos de pena suspensa por perseguições e ameaças continuadas.

O Tribunal de Almada condenou hoje a dois anos de pena suspensa a fã do vocalista dos UHF, António Manuel Ribeiro, que a levou a tribunal por perseguições e ameaças continuadas. 

A arguida, Ana Cristina Fernandes, foi condenada a dois anos de pena suspensa em regime de prova durante um períodos de dois anos pela prática cinco crimes: dois crimes de ameaça agravada, dois crimes de perturbação da vida privada e um crime de injuria. 

Durante o tempo de suspensão da pena, Ana Cristina Fernandes está também proibida de contactar, por qualquer meio, com os dois assistentes no processo, António Manuel Ribeiro e Ana Seabra, companheira do vocalista na data de início da perseguições e ameaças, em 2003. 

A arguida terá ainda de pagar aos visados indemnizações no valor de 15 mil euros e 7,5 mil euros, respetivamente, por danos não patrimoniais causados. 

Clique para ler a Nota da Direcção do Expresso sobre o novo Acordo Ortográfico.