Siga-nos

Perfil

Expresso

Atualidade / Arquivo

Cavaco Silva condecora 19 personalidades

João Paulo da Costa da Silva, fotojornalista que ficou gravemente ferido no Afeganistão, é uma das personalidades que o Presidente da República distingue no Dia de Portugal

O Presidente da República vai atribuir condecorações a 19 personalidades das comunidades portuguesas e a cidadãos estrangeiros, por ocasião do Dia de Portugal, entre os quais o fotojornalista João Paulo da Costa Silva, ferido no Afeganistão no ano passado.

João Paulo da Costa Silva, que trabalhou como correspondente do "New York Times", em vários conflitos em África, Iraque, Balcãs e Afeganistão, entre outros, e já recebeu prémios como o World Press Photo, vai ser condecorado com o título de Grande Oficial da Ordem da Liberdade.

O fotojornalista ficou gravemente ferido em 2010 num acidente com uma mina no Afeganistão, estando atualmente em recuperação.

Segundo a Presidência da República, a antiga embaixadora de Israel em Lisboa Colete Avital, que foi também ex-deputada ao Knesset e ex-Presidente do Grupo Parlamentar de Amizade Israel-Portugal, será agraciada com a Grã-Cruz da Ordem do Infante D. Henrique.

A Cônsul Maior (Presidente) da Municipalidade de Andorra la Vella, Maria Rosa Ferrer Obiols, será condecorada com o título de Grande Oficial da Ordem do Infante D. Henrique, enquanto a suíça Annemarie Jordan Gschwend, investigadora da História de Portugal, com numerosas obras, conferências e estudos publicados sobre o país e que organizou em Zurique a exposição "Marfins de Ceilão, Produtos de Luxo da Renascença", considerada a maior manifestação cultural portuguesa na Suíça, será agraciada com o título de comendadora da mesma Ordem Honorífica.

Ordem do Mérito

Serão condecorados como comendadores da Ordem do Mérito o empresário António Brás Belas, que detém a maior rede de distribuição de produtos alimentares portugueses no Canadá, António Júlio Machado Rodrigues, presidente do Banco Internacional do Funchal (Brasil) e presidente da Casa de Portugal em São Paulo, e a advogada Maria Teresa Paiva-Weed, que desempenha o cargo de senadora e presidente do Senado de Rhode Island, nos Estados Unidos da América.

A professora russa Olga Ovtcharenko, que já traduziu para russo obras de autores portugueses, Pathorn Bede Srikaranonda de Sequeira, compositor e maestro da orquestra privada da Casa Real tailandesa, a brasileira e professora de literatura Teresa Cristina Cerdeira da Silva e a médica Paula Fernandes Lourenço (a título póstumo), serão também agraciados com o título de comendadores da Ordem do Mérito.

Serão agraciados como Oficiais da Ordem do Mérito Adelino Sá, fundador e Diretor do mensário "Gazeta Lusófona", António Silvestre Matinho, editor e diretor do bi-semanário "Luso-Americano", Francisco Augusto João, fundador da Casa de Portugal em Montevideu e atual presidente do Centro Português 1º de Dezembro, no Brasil, Ilka Engler, diretora do Liceu Max Planck, em Dortmund, José Batista de Matos, dirigente do movimento associativo e da comunidade portuguesa de Fontenay sous Bois (França), Maria Teresa Heimans Ferreira Magno, professora de Língua e Cultura Portuguesas, e Rogério Barbosa Azevedo, presidente da Associação Portuguesa de Harare (Zimbabué).

A Irmã Maria dos Reis Gaio, pertencente à Ordem Religiosa "Franciscanas Missionárias de Maria", que apoia crianças e jovens desfavorecidos em Marrocos, receberá a medalha da Ordem do Mérito.

As condecorações serão entregues nas próximas semanas, em cerimónias realizadas nas embaixadas ou consulados locais.