Siga-nos

Perfil

Expresso

Atualidade / Arquivo

Ambiente agrava 83% das doenças

Cientistas revelam que os factores ambientais condicionam 85 dos 102 principais problemas de saúde. O alerta já chegou a Portugal.

Peritos da Organização Mundial de Saúde garantem que 85 das 102 principais doenças são determinadas por factores ambientais, quase sempre pela negativa. Estudos recentes revelam mesmo que 23% das mortes precoces em todo o mundo são influenciadas pelo ambiente e que as crianças são as mais vulneráveis, com uma percentagem a rondar os 36%.

O alerta não é novidade para a maioria dos especialistas, mas só agora grande parte dos países está a preparar estratégias de prevenção capazes de minimizar os riscos associados ao meio ambiente.

Portugal já tem um plano definido. A prioridade é dada às águas para consumo e balneares, à qualidade do ar exterior e interior e ao ruído. Segundo o presidente do Instituto do Ambiente, Gonçalves Henriques, a estratégia – chamada Plano Ambiente e Saúde – será posta em marcha ainda este ano, a partir dos centros de saúde.

A principal missão é permitir "fazer o rastreio das doenças com influência ambiental". Os efeitos das radiações de antenas e telemóveis, por exemplo, será outra das áreas a estudar: está previsto um plano de investigação com várias universidades.

Leia mais na edição do EXPRESSO na banca