Siga-nos

Perfil

Expresso

Atualidade / Arquivo

Allgarve com peça exclusiva dos Fura dels Baus

"Gnosis", história sobre os Descobrimentos mas submetida à visão insólita dos Fura dels Baus, é cabeça-de-cartaz na programação do Allgarve, que inclui este ano nomes como Colbie Caillat, Anastacia, Natalie Cole e Rodrigo Leão.

Mário Lino, correspondente no Algarve (www.expresso.pt)

É uma peça da qual ainda se sabe pouco, mas como é habitual o mistério e a surpresa são parte indissociável das actuações dos Fura dels Baus, uma das companhias de teatro experimental mais conhecidas do mundo.

"A peça 'Gnosis' é em torno do saber, das Descobertas e do papel dos portugueses nessas descobertas, em especial do papel central do Infante D. Henrique, numa altura em que se comemora o aniversário da morte do Infante", afirma ao Expresso Augusto Miranda, coordenador do programa Allgarve.

A mega-performance, que está agendada para a cidade de Lagos a 29 de Agosto, envolverá ainda a participação de cerca de 60 elementos de estruturas associativas da cidade, num gesto que pretende envolver ao máximo as pessoas e entidades locais na animação que o programa Allgarve vai desenvolver pelo quarto ano consecutivo.

Número recorde de 90 eventos

"Nós queremos que o programa seja mais do que um programa de animação e que deixe qualquer coisa e é por isso que temos também um protocolo por exemplo na área do jazz, com a Universidade do Algarve, para que alguns músicos conceituados dêem workshops a quem estiver interessado", explica o responsável.

A edição de 2010 incluirá um número recorde de 90 eventos, com destaque - para além de nomes sonantes da pop e do jazz - para a introdução de animação de rua, novo circo e música clássica, ao longo de dez meses, uma vez que o Allgarve 2010 se estende este ano até Novembro.

"Nós queremos que para o ano haja Allgarve durante os doze meses e é para isso que temos de trabalhar", afirma o secretário de Estado do Turismo Bernardo Trindade, agradecendo aos responsáveis pela programação por terem conseguido mais eventos com o mesmo orçamento de 2009.

Turismo dá 3 milhões

O Allgarve recebe do Ministério da Economia, através do Turismo de Portugal, cerca de 3 milhões de euros, ao que se junta a participação de entidades privadas como hotéis e também as autarquias algarvias, que vão pela primeira vez participar todas no programa de animação. Estes contribuiram com 1,3 milhões de euros, perfazendo a soma total de 4,3 milhões de orçamento.

"Tivemos uma resposta muito positiva do trade e das autarquias e a partir de hoje estamos já a trabalhar na edição de 2011", diz Nuno Aires, presidente do Turismo do Algarve. "O desafio é trazer mais cedo a programação, para que os operadores possam incluir nos seus pacotes", acrescenta.

Também pela primeira vez, o Allgarve vai estar de mão dada com os monumentos, numa parceria com a Direcção Regional de Cultura que permitirá utilizar, por exemplo o Castelo de Silves para um espectáculo de ópera, intitulado "Ópera no Castelo", a 10 e 11 de Julho ou uma intervenção do controverso arquitecto português, Pancho Guedes, que 'usará como casa' a Fortaleza de Sagres.

O programa Allgarve 2010 divide-se em sete áreas temáticas: música clássica, música pop, música jazz, arte, animação com artes de rua e novo circo, gastronomia e desporto.

Pode 'folhear' o longo programa do evento aqui.