Anterior
Trabalhadores estudantes ficam com metade do descanso por trabalho ...
Seguinte
Standard & Poor's corta rating da EDP para "lixo"
Página Inicial   >  Economia  >   Vítor Gaspar: "Temos tradição de ser bons marinheiros"

Vítor Gaspar: "Temos tradição de ser bons marinheiros"

Ministro das Finanças garante em entrevista ao "Financial Times" que Portugal vai cumprir as metas orçamentais do acordo
Lusa |
Gaspar reiterou a posição de que Portugal não tenciona pedir mais auxílio financeiro nem prazos alargados
Gaspar reiterou a posição de que Portugal não tenciona pedir mais auxílio financeiro nem prazos alargados  / Alberto Frias

Portugal vai cumprir as metas orçamentais acordadas com a União Europeia e o Fundo Monetário Internacional, afirmou o ministro das Finanças, Vítor Gaspar, numa entrevista hoje publicada pelo "Financial Times" (FT).

"Vamos cumprir o nosso lado do acordo", afirmou Gaspar num artigo publicado no site do diário financeiro inglês.

Gaspar reiterou a posição de que Portugal não tenciona pedir mais auxílio financeiro nem prazos alargados para o cumprimento das metas orçamentais.

Na entrevista ao FT, Vítor Gaspar frisou a importância das "transformações estruturais". O ministro comparou ainda as atuais dificuldades económicas com a era dos Descobrimentos: "Quando os navegadores foram para o mar no século XVI, não tinham certezas quanto às tempestades que teriam de enfrentar. Mas preparavam-se para elas, e se fossem bons marinheiros tinham êxito. Temos tradição de ser bons marinheiros."

A entrevista com Gaspar é assinada pelo editor para os assuntos europeus do FT, Tony Barber.

O mesmo jornalista escreveu num editorial publicado hoje que o regresso de Portugal aos mercados no próximo ano (conforme está previsto no acordo de assistência) é "inconcebível" , e que os mercados já antecipam um incumprimento financeiro "nos próximos cinco anos".


Opinião


Multimédia

O Cabo da Roca depois da tragédia que matou casal polaco

Os turistas portugueses e estrangeiros que visitam o Cabo da Roca, em Sintra, continuam a desafiar a vida nas falésias, mesmo depois da tragédia que resultou na morte de um casal polaco, cujos filhos menores estavam também no local. Durante a visita do Expresso, um segurança tentou alertar os turistas para o perigo e refere a morte do casal polaco. O apelo não teve grande efeito. Veja as imagens.

Ó Capitão! meu Capitão! ergue-te e ouve os sinos

Ele foi a nossa ama... desajeitada. Ele foi o professor que nos inspirou no liceu. Ele trouxe alegria, mesmo nas alturas mais difíceis. Ele indicou-nos o caminho na faculdade. Ele ensinou-nos a manter a postura, mas também a quebrar preconceitos. Ele ensinou-nos que a vida é para ser aproveitada a cada instante. Ó capitão, meu capitão, crescemos contigo e vamos ter de envelhecer sem ti. 

Crumble. A sobremesa mais fácil do mundo

Tiger escolheu a gastronomia como forma de estar na vida, especialista em pratos de confeção acessível, com ingredientes ao alcance de qualquer pessoa. Veja, confecione, desfrute e impressione.

Voámos num F-16

Um piloto da Força Aérea voou com uma câmara GoPro do Expresso e temos imagens inéditas e exclusivas para lhe mostrar num trabalho multimédia.

Salada de salmão com sorvete de manga

Especialista em pratos de confeção acessível, com ingredientes ao alcance de qualquer pessoa, Tiger escolheu a gastronomia como forma de estar na vida. Veja, confecione, desfrute e impressione.

Por faróis nunca dantes navegados

São a salvaguarda dos navegantes, a luz que tranquiliza o mar. Há 48 faróis em Portugal continental e nas ilhas. Este é um acontecimento único: todos os faróis e 1830 km de costa disponíveis num mesmo trabalho. Para entendê-los e vê-los, basta navegar neste artigo.

Parecem casulos onde gente hiberna à espera de ver terra

No Porto de Manaus não há barcos, mas autocarros bíblicos que caminham sobre água. Têm vários andares e estão cheios de camas de rede que parecem casulos onde homens, mulheres e crianças aguardam o destino. E há gente a vender o que houver e tiver de ser junto ao Porto. "Como há Copa, tem por aí muito gringo que vem ter com 'nóis'. E então fica mais fácil vender"

O adeus de Lobo Antunes às aulas de medicina

O neurocirurgião deu terça-feira a sua "Última Lição" no auditório do Instituto de Medicina Molecular da Faculdade de Medicina da Universidade de Lisboa, na véspera de deixar o seu trabalho no serviço nacional de saúde.

Jaguar volta a fabricar desportivo dos anos 60

Até ao verão será fabricado um número limitado de desportivos Jaguar E-Type Lightweight, seguindo todas as especificações originais, incluindo a continuação do número de série das unidades produzidas em 1963.

"Naquela altura estavam continuamente a acontecer primeiras coisas"

Mais do que uma manifestação, o 'primeiro' 1º de Maio é recordado como a grande festa da Revolução dos Cravos, quando o povo saiu às ruas em massa e a união das esquerdas era um sonho possível. "O 1º de Maio seria mais uma primeira coisa, porque naquela altura estavam continuamente a acontecer primeiras coisas." Foi há 40 anos.

Este trabalho não foi visado por qualquer comissão de censura

Aquilo que hoje é uma expressão anacrónica estava em relevo na primeira página do "República", a 25 de Abril de 1974: "Este jornal não foi visado por qualquer comissão de censura". Quarenta anos depois da Revolução, veja os jornais, ouça os sons e compreenda como decorreu o "dia inicial inteiro e limpo", como lhe chamou Sophia. O Expresso falou ainda com cinco gerações de 40 anos e percorreu a "geografia" das Ruas 25 de Abril de todo o país, falando com quem lá mora. Veja a reportagem multimédia.


Comentários 32 Comentar
ordenar por:
mais votados
"Temos tradição de ser bons marinheiros"
« Vítor Gaspar: "Temos tradição de ser bons marinheiros" »

Será por isso que os políticos só sabem meter água?

E nós é que ficamos com 'água pela barba'...
É verdade
Mas agora com esta democracia também temos bons sabotadores.
Ó Gaspar...estás a falar de quê?

Isso já foi há 500 anos....

Os barcos foram todos destruídos pelo Cavaco...

É preciso ser muito crente para afirmar o quer afirmas...

Eu também acredito que um dia me sairá o euro-milhões...
Re: Ó Gaspar...estás a falar de quê?
Re: Ó Gaspar...estás a falar de quê?
Re: Ó Gaspar...estás a falar de quê?
Re: Ó Gaspar...estás a falar de quê?
Gaspar ao leme , desastre à vista.
Mas tu ó Gaspar só se fosses para capelão da tripulação , porque para comandante , com essa vozinha ao retardador , ainda adormecias a tripulação , acabando o barco por ír ao fundo , ou espetando-se nas rochas como o Costa Concordia.

Mas o problema é esse , és tu que vais ao leme com o desastre à vista.
Convém recordar: António Lobo Xavier
Convém recordar: António Lobo Xavier

Administrador não executivo da Sonaecom, da Mota-Engil e do BPI, António Lobo Xavier auferiu 83 mil euros no ano passado
(não está contemplado o salário na operadora de telecomunicações, já que não consta do relatório da empresa). Tendo estado
presente em 22 encontros dos conselhos de administração destas empresas, o advogado ganhou, por reunião, mais de 3700 euros.
-
Estes é um dos indivíduos que vai rotineiramente à televisão explicar aos portugueses a necessidade de
sacrifícios e de redução de salários...
-

Sábado, 30 de Julho de 2011
Vitor Gaspar Temos tradição de bons marinheiros
O Presidente do Conselho de Administração dos CTT, Estanislau Mata da Costa - que se demitiu no final do mês passado, sem ter terminado o mandato - recebeu, durante cerca de dois anos, dois vencimentos em simultâneo: um pelo cargo nesta empresa, de cerca de 15 mil euros, e outro correspondente às suas anteriores funções na PT, de 23 mil euros. E isto apesar de ter suspendido o vínculo laboral com a PT.
A descoberta foi feita pela Inspecção-Geral de Finanças (IGF), na sequência de uma auditoria realizada após denúncias da comissão de trabalhadores dos CTT sobre actos de alegada má gestão na empresa. Segundo soube o SOL, o Conselho de Administração da empresa terá recebido o relatório preliminar desta auditoria no dia 29. A demissão de Mata da Costa foi anunciada no dia seguinte e justificada pelo próprio com «razões exclusivamente do foro pessoal e familiar».
A IGF classifica esta acumulação de vencimentos por parte de Mata da Costa - num valor mensal de cerca de 40 mil euros (ao todo, um milhão e 575,6 mil euros recebidos entre Junho de 2005 e Agosto de 2007) - como «eticamente reprovável, ainda que possível do ponto de vista legal». Ainda assim, a IGF decidiu encaminhar o caso para a Procuradoria-Geral da República, por ter «dúvidas quanto à legalidade» da situação.
Segundo o relatório preliminar da IGF, a que o SOL teve acesso, Mata da Costa, que era quadro da PT, foi nomeado para presidir aos CTT em Junho de 2005.
Olha p'ra eles a navegar
sim sim...
e se continuar, vamos precisar destas habilidades é para emigrar de bote a remos.
Marinheiros da treta
Não é por acaso que andamos constantemente a meter água. Não é verdade sr. ministro? está-nos na alma...
"Temos tradição de ser bons marinheiros" Porque:
Que ilações poderemos tirar da sua frase? "Temos tradição de ser bons marinheiros" Porque:
- Com este governo andamos "à deriva"?
- Com as suas políticas andamos "a navegar à vista" e logo se vê no que dá?
- "Já fomos ao fundo" não convém é que a malta se apercebas?
- Se há algo que nos salve terá de ser a tradição?
Nem com colotes de salvação...
Falta barco. Sem bóia de salvação não vamos lá!
Deixe-se de demagogias
Falar é fácil. Somos os heróis no sacrifício. E que tal, aqueles que nos governam tentarem ao menos durante um mês viver com o ordenado mínimo nacional, sem direito às previligeadas regalias que eu e muitos lhes proporcionamos? Já sem falar nos rendimentos abaixo do RMN.
Tenham vergonha!!!
Este básico...
...de ministro...neo liberal até à medula...já basta mandarem emigrar o pessoal, agora também somos obrigados a andar de barco??? Esta gente não tem vergonha na cara, porque se a tivessem, estavam calados e não diziam sistemáticamente bacoradas...copiam tudo do mesmo livro, mas por tanto copiarem, acabam com as letras do livro e depois quero ver como falam...
Pelo amor de Deus!!
Será que ninguém próximo diz a estas criaturas do governo traidor que não tem piada!!! Que cada vez abrem a boca mais se queimam!!!

baahhh queimem-se à vontade!!
Re: Vítor Gaspar: "Temos tradição de ser bons mari
estes mer..das que vêm pra aki comentar o que os governantes fazem, nao tiveram a coragem nem a honestidade de atacar os m.e.r.d.a.s. de incompetentes e corruptos que x.u.l.a.r.a.m o país.
Deveriam ser amarrados no troco e xicoteados nas nalgas.
Eu pessoalmente se me encontra-se cara a cara com aquele m.e.r.d.a.s do socretino, esganava-o.Nao passa de um VERME
Comentários 32 Comentar

Últimas


Edição Diária 17.Abr.2014

Leia no seu telemóvel, tablet e computador
PUBLICIDADE

Pub