Siga-nos

Perfil

Expresso

Sociedade

Sócrates e BES vão ao 'photo finish'

23 centésimas: é tudo quanto separa o estoiro do BES da detenção de Sócrates nas escolha dos leitores do Expresso para acontecimento nacional de 2014, a seis horas do fim da eleição online, que irá encerrar às 17h30 desta sexta-feira. Nas restantes categorias, há de tudo: resultado fechado, outro praticamente resolvido, um terceiro ainda em aberto.

PARA VOTAR, CLIQUE  AQUI  -  

O estoiro do BES e a detenção de José Sócrates estão taco-a-taco na preferência dos eleitores do Expresso como acontecimento nacional de 2014. A votação termina às 17h30 desta sexta-feira.

A seis horas do final, o fim daquele império financeiro tinha curtíssima vantagem sobre a prisão do antigo chefe do Governo e ex-líder socialista: 36,41% contra 36,18%.

Nas restantes categorias a sufrágio apenas há alguma incerteza na escolha da figura nacional, na qual Carlos Alexandre lidera sobre António Costa: 32,75% contra 28,78%.

No campo internacional, o Papa Francisco tem a vitória garantida (65,04%) como figura de 2014. Já entre os acontecimentos, o surgimento do Estado Islâmico mantém vantagem confortável sobre o conflito na Ucrânia (36,55% contra 19,25%).

PARA VOTAR, CLIQUE  AQUI  -   

Em 2014, pela primeira vez, o Expresso abriu a votação das figuras e acontecimentos do ano aos seus leitores.

A escolha segue-se à votação pela própria redação do Expresso - numa das mais velhas tradições democráticas da imprensa portuguesa. A eleição foi feita no dia 2 de dezembro, num concorrido plenário que chegou a contar com mais de meia centena de jornalistas.

A discussão e escolha da Redação foram feitas sobre as mesmas listas que os leitores têm ao seu dispor para eleger as figuras e acontecimentos. As escolhas da Redação do Expresso, feitas por braço no ar, serão reveladas na edição deste sábado.

PARA VOTAR, CLIQUE  AQUI  -