Siga-nos

Perfil

Expresso

Sociedade

PJ investiga morte de jovem nas Caldas da Rainha

A intoxicação, alegadamente com monóxido de carbono, aconteceu em A-dos-Francos, no concelho das Caldas da Rainha, onde três rapazes foram encontrados inconscientes. A vítima mortal tinha nacionalidade bielorrussa. Dos dois feridos, um é grave.

 A Policia Judiciária (PJ) vai investigar as causas da intoxicação que causou hoje a morte de um jovem de 20 anos e ferimentos em outros dois, em A-dos-Francos, nas Caldas da Rainha, informou a GNR.

"Tudo leva a crer que se tenha tratado de uma intoxicação com monóxido de carbono, mas aguarda-se a chegada da Polícia Judiciária que irá investigar as causas que levaram à morte de um dos jovens e ao internamento de outros dois", disse à Lusa Hugo Carneiro, comandante da GNR das Caldas da Rainha.

Hugo Carneiro confirmou à Lusa que a vítima mortal é "um jovem de 23 anos, de nacionalidade bielorrussa", que, segundo a GNR, "se encontrava com outros dois amigos".

A vítima mortal e um dos feridos, com 20 anos, seriam "moradores na zona entre Oeiras e Carcavelos" e amigos do outro ferido grave, também com vinte anos e "neto da proprietária da casa onde aconteceu o acidente", acrescentou a mesma fonte.

A intoxicação, alegadamente com monóxido de carbono, aconteceu em A-dos-Francos, no concelho das Caldas da Rainha, onde as três vítimas foram encontradas inconscientes, num anexo onde se encontrava um braseiro aceso.

O alerta para os bombeiros foi dado às 12h 48 e no local estiveram três ambulâncias e nove elementos dos Bombeiros das Caldas da Rainha, a Viatura Médica de Emergência e Reanimação (VMER) do Centro Hospitalar do Oeste (CHO) e a GNR.

Os dois feridos, um dos quais em estado grave, foram transportados para o Hospital das Caldas da Rainha.