Siga-nos

Perfil

Expresso

Lifestyle

Sugestões para desfrutar de ti, querido outono

  • 333

rui ochôa

Nem só de castanhas e folhas a dançar ao vento vive o outono. Estas são as nossas sugestões para desfrutar deste fim de semana outonal em Lisboa e no Porto - dê uma coloração menos sépia aos próximos dias

Música quê? “Exploratória.” E isso quer dizer...? Isso quer dizer que há música “alternativa” no Barreiro. O Out.Fest, Festival Internacional de Música Exploratória do Barreiro, orgulha-se de trazer, de há 12 anos para cá, artistas estrangeiros que não é fácil ver - e ouvir - em Portugal. Praticam sons diferentes: nomes como Russell Haswell, os britânicos AMM, os norte-americanos Matana Roberts, Laraaji e Zs, o finlandês Vladislav Delay ou o japonês Akira Sakata são alguns dos músicos que poderá ouvir este fim de semana na margem Sul do rio Tejo. Domingo, às 11h (entrada livre), há uma sessão de ioga matinal (em parceria com o Yoga Spot Barreiro), conduzida pelo músico Laraaji, antecipando o seu concerto à tarde. Roupa larga e confortável é o único requisito para iniciar o dia de forma diferente e seguramente agradável.

Os britânicos AMM são uns dos artistas do cartaz do Out.Fest, no Barreiro

Os britânicos AMM são uns dos artistas do cartaz do Out.Fest, no Barreiro

Na margem norte do Tejo há, como de costume, muitas ofertas que pode aproveitar. Se gosta de História e de andar a pé, os itinerários de Lisboa têm várias propostas tentadoras: este sábado, pelas 10h30, o passeio sugerido pela Câmara é a “Lisboa de Camões”, um percurso pelos locais da vida e obra do poeta, com início na praça Luís de Camões e fim no Pátio do Tronco. O túnel que une este pátio escondido à rua das Portas de Sto Antão recebeu o seu nome de batismo porque Luís de Camões esteve largos meses preso ali, na Cadeia do Tronco, de onde só foi libertado em 1553. Por ter este interesse histórico, o túnel tem um painel de azulejos da autoria de Leonel Moura, inaugurado em 1992.

Lisboa acolhe também, este fim de semana, uma iniciativa de arquitetura que lhe permite palmilhar a cidade acompanhado. "O Open House Lisboa”, iniciativa da Trienal de Arquitetura de Lisboa, oferece um roteiro por 70 espaços, com visitas comentadas em 40 locais de Lisboa, sem ser necessária marcação. Bastam uns sapatos confortáveis para visitar o bairro da Av. Infante Santo, pelas 11h deste sábado, com João Vieira Caldas; para conhecer melhor a Galeria do Loreto, sábado às 17h, pela mão de Filipa Laborinho; para visitar o Atelier-Museu Júlio Pomar às 11h de domingo, com Sara Antónia Matos e Pedro Faro; para redescobrir as Avenidas Novas às 11h de domingo, com Ana Vaz Milheiro; ou para passar a conhecer mais sobre a reabilitação na Baixa, às 14h de domingo, com o Atelier Casca.

Se o seu interesse passa mais pela literatura, no sábado ao fim da tarde (18h30) pode ouvir trechos de obras de Hélia Correia contados e cantados em voz alta. Em “Exercício sobre Hélia”, a escritora que ganhou o Prémio Camões deste ano estará acompanhada de Mariana Abrunheiro, Sílvia Laureano Costa e Suzana Branco. A entrada é livre, na Casa Fernando Pessoa (R. Coelho da Rocha, nº 16).

Excertos da obra de Hélia Correia podem ouvir-se na casa Fernando Pessoa

Excertos da obra de Hélia Correia podem ouvir-se na casa Fernando Pessoa

Ana Baião

Mas se é por filmes que o seu coração suspira, esta semana arrancou a 16ª Festa do Cinema Francês, com antestreias a oferecer e uma programação aliciante. Comédias, dramas, documentários, ficção, policial e animação são alguns dos géneros de que pode desfrutar, havendo também filmes para os mais novos. Sábado às 11h, no Cinema S. Jorge, é exibido o filme de animação “Gus, petit oiseau, grand voyage” e domingo há duas antestreias mundiais a pensar nos mais novos: às 11h, “Mune, le guardien de la Lune”, para maiores de 4, e às 17h, “Phantom Boy”. Pelo meio, há clássicos intemporais para rever, como “O Urso”, de Jean Jacques Annaud, conversas possíveis com realizadores de cinema e novas exibições.

Por falar em crianças, são vários os programas que lhes estão destinados este fim de semana. Na Fundação Calouste Gulbenkian, das 10h30 às 18h, o dia é inteiramente dedicado a estimular a criatividade dos mais novos. O “Dia D Matéria Prima” quer aproveitar “água, árvores, ramos, folhas, luz, imaginação, voz, corpo” para explorar a criatividade dos pequenos. Há quadros vivos para pintar, narrativas visuais para construir, paisagens sonoras para explorar e memórias para transformar, a partir dos 2 anos.

Ainda em Lisboa centro, na Atmosfera M (R. Castilho, nº 5), no sábado das 15h às 17h, as crianças entre os 5 e os 12 anos podem participar na atividade “Ioga Kids”. Por 5€, o seu filho ou filha pode desfrutar de uma aula de ioga com outras crianças.

Na Atmosfera M, há aulas de ioga para os mais novos

Na Atmosfera M, há aulas de ioga para os mais novos

José Caria

Se quiser prolongar um pouco o seu passeio, dê um salto até à bela Quinta da Regaleira, em Sintra, e usufrua do espetáculo “Peter Pan”, nos jardins da propriedade. É a última oportunidade de ver este clássico infantil por aqui - sábado às 16h e domingo às 11h e às 16h. Até aos 3 anos, o bilhete é gratuito.

Na Quinta da Regaleira, em Sintra, este é o último fim de semana para ver o espetáculo infantil “Peter Pan”

Na Quinta da Regaleira, em Sintra, este é o último fim de semana para ver o espetáculo infantil “Peter Pan”

António Pedro Ferreira

Corrida, ténis ou cerveja?

Na Invicta, a noite de sábado promete ser diferente. Os fãs da corrida e da marcha podem aderir ao Meo Urban Trail, que realiza corridas noturnas em várias cidades do país. Quem quiser pode correr, quem não quiser pode caminhar, mas o que está garantido é que os participantes vão descobrir uma zona histórica do Porto percorrendo alguns dos recantos da cidade, entre vielas, escadas, muralhas, jardins, miradouros e zonas de monumentos. São 14 km de corrida ou 6 km de caminhada, de lanterna em riste, com partida na Ribeira e passagem no Palácio de Cristal, no Jardim Virtudes Alfândega, nas escadas Codeçal e dos Guindais, na muralha Fernandina, no mosteiro da Serra do Pilar e nas Caves do Vinho do Porto.

Para quem gosta de desporto, mas prefere ver a fazer, o Clube de Ténis do Porto acolhe a Final do Porto Open 2015, com um “prize money” de 10 mil dólares. Dezenas de tenistas nacionais vão disputar o troféu com tenistas estrangeiros, num torneio de qualidade indisputada.

No Clube de Ténis do Porto disputa-se a final do Porto Open 2015

No Clube de Ténis do Porto disputa-se a final do Porto Open 2015

Sérgio Granadeiro

Se é apreciador de cerveja e é daqueles curiosos que gosta de meter a mão na massa, há um “workshop” de cerveja artesanal à sua espera... São 85€, com almoço incluído, sob a orientação do mestre cervejeiro Pedro Sousa. Com 16 anos de experiência e um estágio na Baviera, Pedro Sousa é também o criador da cerveja Sovina. O objetivo para o “workshop” (que decorre das 10h às 19h, no espaço Raro), é “divulgar o processo de fabrico de cerveja de alta qualidade, de uma forma simples, rápida, sem grandes custos e acessível a todos”. Haverá lugar a teoria e prática - degustação, pois claro -, passando pelo bê-á-bá (o que é a cerveja, o seu processo de produção...), bem como pela aprendizagem sobre malte, brassagem, fervura do mosto, lúpulo, fermentação, inoculação da levedura e formulação de receitas. Em suma, uma aula saborosa e intensiva.

Um “workshop” para aprender a fazer cerveja artesanal é uma das possibilidades para este fim de semana no Porto

Um “workshop” para aprender a fazer cerveja artesanal é uma das possibilidades para este fim de semana no Porto

Lucilia Monteiro

No domingo há Pink Market no jardim de S. Lázaro, de acesso livre. Arte, criatividade, produtos “vintage” e antiguidades vão ser acompanhados pela música de DJ e outros concertos, nas Porto Sunday Sessions. Para um passeio mais longo, pode rumar a Belmonte e à sua bela pousada e usufruir de uma qualquer iguaria com cogumelos. O Festival do Cogumelo decorre aqui até dezembro e há sempre surpresas para descobrir. Até lá, goze o Outuno nas suas múltiplas tonalidades....

No Convento de Belmonte, o festival do cogumelo promete algumas surpresas

No Convento de Belmonte, o festival do cogumelo promete algumas surpresas

Sérgio Granadeiro