Siga-nos

Perfil

Expresso

Sociedade

Jovens marcham em Lisboa contra a precariedade."Recusamos ser carne para canhão"

  • 333

FOTO Mário Cruz/Lusa

Em defesa da estabilidade laboral, várias dezenas de jovens partiram este sábado em marcha da Praça da Figueira em direção ao Largo Camões.

Dezenas de jovens estão a marchar esta tarde em Lisboa contra a precariedade laboral, uma iniciativa organizada pela Interjovem da CGTP.

A marcha partiu da Praça da Figueira por volta das 15h rumo ao Largo Camões, assinalando o fim de uma semana de protesto que começou na segunda-feira e passou por várias cidades do país.

"Como é possível o Governo mandar o seu futuro para fora? Os jovens não sabem o que és estabilidade com contratos de 6 meses (...) Recusamos ser carne para canhão ", afirmou Filipa Costa, coordenadora nacional da Interjovem da CGTP.

O líder da CGTP, Arménio Carlos, que também participou na marcha, acusou por seu turno o programa VEM (Valorização do Empreendedorismo Emigrante) de ser uma  "manobra de propaganda" do Governo.

"O programa VEM é uma manobra de propaganda. Mas antes já houve o 'VAI' em que foram 400 mil trabalhadores particularmente muito jovens embora e agora dão meia dúzia de lugares a empreendedores. Estamos perante uma manobra política que foge da realidade e não responde aos problemas do país", declarou Arménio Carlos.