Siga-nos

Perfil

Expresso

Sociedade

Como será o mundo da moda sem Gisele Bündchen a desfilar?

  • 333

Brasileira de gema, a manequim não podia despedir-se das passerelles senão no Brasil. Gisele fará o seu último desfile na semana de moda de São Paulo, entre 13 e 17 de abril

TIMOTHY A. CLARY/AFP/Getty Images

É difícil de imaginar, mas algum dia tinha de acontecer. Aos 34 anos, a manequim brasileira anunciou o fim da sua carreira de modelo. Mas... só nas passerelles. O seu jeito único de posar para as fotografias vai continuar mas só em sessões fotográficas e campanhas de publicidade. Nem tudo parece perdido.  

Com um vasto currículo em desfiles, Gisele Bündchen anunciou este fim de semana o fim da sua carreira no que diz respeito às passerelles. Com 20 anos de carreira e 34 de idade, Gisele é uma das manequins mais bem-sucedidas do mundo e vai desfilar pela última vez já no próximo mês.

Brasileira de gema, a manequim não podia despedir-se das passerelles em mais lado nenhum senão o Brasil. Sendo o rosto da marca também brasileira "Colcci", Gisele fará o seu último desfile pela marca na semana de moda de São Paulo, que acontece entre os dias 13 e 17 de abril.

No entanto, esta notícia não dita o fim da carreira da manequim brasileira. Gisele continuará a iluminar o mundo da moda em sessões fotográficas e campanhas publicitárias para felicidade de todos os fãs. A Channel n.º 5, a H&M, a Stuart Weitzman e a Balenciaga vão continuar a contar com a presença da modelo brasileira nos seus catálogos. As Nações Unidas vão igualmente poder dispor de Gisele no papel de Embaixadora da Boa Vontade.  

Casada há seis anos com o jogador de futebol norte-americano Tom Brady - com quem tem dois filhos - talvez ele seja o único fã satisfeito com a saída da mulher das passerelles. Para os outros fãs, continuar a ter Gisele no mundo da moda será um prazer para os olhos. 

Recorde-se que a manequim brasileiria é das mais bem pagas do mundo, segundo a revista "Forbes".