Siga-nos

Perfil

Expresso

Sociedade

Católicos escutam a cidade... e os não crentes

  • 333

São crentes e acreditam que se pode ser 'escutador'. Não lhes basta dialogar só no espaço da Igreja. Vão estar esta quinta-feira, às 19, no Fórum Lisboa para debater com quem aparecer. O mote para a conversa são "Dinâmicas sociais no território da diocese".

Esta quinta-feira, às 19h00, o geógrafo João Ferrão, a filósofa Olga Pombo e a demógrafa Teresa Rodrigues, vão falar sobre a forma como encaram as realidades sociais do território da diocese, em mais um debate organizado pelo grupo "Escutar a Cidade", um local de encontro entre vários movimentos e plataformas católicas.

"Há um mundo-história a ser igualmente escutado. Há desafios e terrores que já não nos dizem nada. Há igualmente um mundo interior - o nosso - que muito poucos arriscam em escutar e narrar. Uma interioridade esquecida tantas vezes; habitada por sombras e memórias, onde os afectos e as desilusões se misturam, onde os sonhos permanecem muitas vezes esquecidos. Esse mundo interior reclama um lugar ao sol na nossa história narrada e escutada", escreve o padre Manuel Afonso no site deste grupo.

Afinal, importa saber "quantas histórias cabem num olhar? Que narrativa se esconde num encontro improvável? Que provocações nos suscitam os silêncios de alguém sem nome que inadvertidamente oferece ao nosso quotidiano subtilezas e imprevistos?".

É este o desafio do grupo "Escutar a Cidade". Um "convite a que os católicos da diocese de Lisboa se deixem interrogar por pessoas que, vivendo no mesmo tecido social, mas não partilhando a condição de pertença eclesial, enunciem uma reflexão pertinente sobre aspetos decisivos da sociedade".